Conecte-se conosco

Policial

Polícia Civil prende suspeitos de sequestro e assalto a banco em Igaratinga

Avatar

Publicados

em

A Polícia Civil prendeu na noite de terça-feira, na região metropolitana de Belo Horizonte, duas pessoas suspeitas de envolvimento no roubo a um banco de Igaratinga em que a família de um segurança foi mantida refém.

Segundo informado pela Polícia Civil, apesar da prisão dos suspeitos, as investigações para identificar outros autores continuam sendo realizadas.

Os dois suspeitos, identificados como um rapaz de 22 anos e uma jovem de 20, forem presos após terem sido abordados por policiais do Departamento de Combate ao Narcotráfico da Polícia Civil e da Delegacia Regional de Pará de Minas após denúncias de que estariam escondidos em Betim.

A Polícia Civil indicou que a mulher suspeita foi identificada pelas vítimas após ser vista em um carro no Bairro Jardim Brasília. Durante a diligência foram realizadas buscas na casa da suspeita, onde foi encontrado o outro suspeito de envolvimento com o sequestro seguido de assalto.

Foi ainda identificado pela Polícia Civil que o suspeito usava documentos falsos e na casa onde eles estavam foram encontrados mais de R$ 20 mil em dinheiro, além de um revólver calibre 38, munição, um cartucho e vários objetos como brincos, colares e celulares.

Também foi apreendido durante as diligências um carro que a polícia acredita estar provavelmente relacionado em outros crimes e infrações.

Os suspeitos foram encaminhados a Delegacia de Polícia e foram autuados por extorsão mediante sequestro e posse ilegal de arma e posteriormente foram encaminhados ao presídio de Pará de Minas.

Por fim foi ainda informado que a jovem presa tinha em seu desfavor um mando de prisão em aberto por crime de roubo e também foi autuada por usar documentos falsos.

Família é sequestrada e bandidos realizam assalto a agência bancária em Igaratinga

Continue Lendo
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Copyright © 2018 Ineo Sistemas