Conecte-se conosco

Governo Estadual

Situação crítica: “corremos  risco de pacientes intubados acordarem por falta de sedativo”, diz Romeu Zema

Avatar

Publicados

em

A republicação total ou parcial deste conteúdo é gratuita desde que citada a fonte com o link para o site do portal "opopularns.com.br" | A não citação da fonte com o link para o site implicará em medidas judiciais de acordo com a lei de direitos autorais 9610/98.

Em coletiva concedida nesta quinta-feira, dia 08 de abril, o governador Romeu Zema afirmou, existe no estado o risco de pacientes acordarem entubados por falta de sedativos.


O quadro de falta de insumos, presenciada em Nova Serrana, conforme informado por este Popular na última quarta-feira (07), se estende por todo o Estado e de acordo com Zema é uma situação crítica.

Zema considerou que “notícias desagradáveis” podem chegar caso o fornecimento não seja normalizado e “corremos  risco de pacientes intubados acordarem por falta de sedativo”, disse.

De acordo com o governador, no Estado, as unidades de saúde em seu protocolo de funcionamento, trabalhavam com estoque com duração de aproximadamente 60 dias, contudo o prazo foi reduzido para “um ou dois dias”.

O Governador apontou que o problema aconteceu por uma mudança no Ministério da Saúde. Agora a pasta fez uma requisição específica administrativa na indústria, tendo acesso à toda a produção de sedativos, mas sem distribuir na velocidade adequada.

“Temos de salientar que a indústria triplicou a produção, mas o consumo aumentou dez vezes. Temos tentado importar, mas faltam insumos”, afirmou o governador.

Leia mais...
Propaganda

Mais lidas