Conecte-se conosco

Editorial

Resposta

Publicados

em

Ao contrário do que se entende na famosa série de filmes Star Wars, a força não é uma luz, um poder interior capaz de tornar jovens crianças em Jedi’s ou grandes guerreiros.

Mesmo com toda a beleza e paixão pelo cinema e claro, fanatismo dos nerds de plantão, a física traz uma definição muito mais coesa e no caso deste editorial, eficaz quanto ao entendimento do termo força.

Na física a força é entendida como o resultado da interação entre os corpos, ou seja, um corpo produz a força, energia e outro corpo recebe-a. Durante seus estudos, Isaac Newton percebeu que toda ação correspondia uma reação.

E assim surgiu a terceira lei de Newton, onde o cientista afirma que a toda ação corresponde a uma reação de igual intensidade e força, mas que atua no sentido oposto.

Apesar de todo esse papo nerd e científico, esse editorial é sobre criminalidade e sobre a reação que os órgãos de segurança pública estão emitindo contrárias as ações que o meio da bandidagem tem tentado impelir em Nova Serrana.

Se os bandidos iniciam uma onda de crimes que culminam em quatro mortes em sete dias, além é claro o churrasco feito do ônibus da prefeitura, como explica a lei terceira de newton, uma força é repelida no sentido contrário, que irá sim inibir e agir contra os foras da lei.

Um exemplo dessa força foi a operação desencadeada nesta quarta-feira. Um grande efetivo foi empregado, veículos, helicóptero, militares abordando suspeitos, atuando em corredores e locais estratégicos.

Medidas assim dão à população a sensação de que, apesar de parecer por certo período que a cidade está sitiada, se tem a visão real de toda a força e poderio que os homens do bem tem em sua posse para intervir contra os vilões dessa história.

Infelizmente acabar com a criminalidade é impossível, mas é mais do que possível que a criminalidade encontrada em Nova Serrana não coíba as perspectivas, a vida e os desejos de uma população que quer encontrar aqui mais do que trabalho, afinal Nova Serrana é seu lar.

Os criminosos mostraram que não estão para brincadeira, após haver a condenação de Preto do Gamas e dos chefes do tráfico de Nova Serrana, uma série de atentados com execuções e até mesmo a queima do ônibus aconteceram.

Claro que o serviço de inteligência da PM apontou e confiamos em suas analises, que os fatos ocorridos na cidade na última semana não têm relação com as condenações ou até mesmo ligações entre si.

Porém os fatos aconteceram, ainda não foram explicados e como diz o comandante, o que não podemos ser neste momento é omissos, afinal não se pode admitir que em uma cidade que caminha para o desenvolvimento a criminalidade seja o standard de fatos noticiados.

Recentemente em uma conversa com a promotoria de justiça foi ponderado que anteriormente a cidade era conhecida apenas pelos crimes, mas que com as intervenções que vem acontecendo o cenário está mudando.

Sim de fato, se olharmos para a própria história desse Popular, vamos notar que nossas capas e aqui também incluímos a de outros veículos, escorriam sangue quando torcidas, pela quantidade de atos violentos ocorridos e noticiados.

Mas felizmente diante desse câncer chamado violência, uma força maior, do bem, tem intervindo e como reação, os crimes voltam a espantar e o fato da polícia ir as ruas e vermos populares comemorando a prisão de bandidos, se torna um reflexo de uma sociedade que não mais quer conviver com a criminalidade em manchete.

Por fim, queremos lembrar ao cidadão o seu papel, afinal, para que as forças de segurança possam exercer o seu poder a população tem que cooperar, realizando as denúncias, e para isso os canais 181 e 197, que são anônimos estão à disposição.

Vale lembrar que a sensação de segurança é obtida quando vemos a Polícia tem poder para coibir a prática criminal, mas, antes da coesão, a população tem que cooperar, dando informações para aqueles que querem o bem do cidadão de bem. E dessa forma podemos dar aos criminosos a resposta efetiva que eles merecem.

Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Copyright © 2018 Ineo Sistemas