Conecte-se conosco

Governo Estadual

Quatro cidade da região foram alvo de operação desencadeada pela Receita Estadual

Avatar

Publicados

em

A Receita Estadual desencadeou na última sexta-feira, dia 21 de fevereiro a “Operação Espectro”. Ao todo 47 cidades tiveram empresas fiscalizadas pelos auditores do estado.

No Centro-Oeste, a ação foi deflagrada em Bom Despacho, Cláudio, Divinópolis e Formiga. Os trabalhos de  fiscalização da Receita Estadual, tiveram  com alvo cerca de 80 empresas, que seriam “supostamente de fachada”, ou seja criadas para “esquentar” mercadorias sem procedência e sonegar impostos, se valendo de notas fiscais “frias”.

De acordo com informações repassadas pela Receita Estadual, o volume de operações praticadas pelas empresas fiscalizadas com notas frias podem alcançar valores na ordem de R$ 30 milhões.

Operação

Durante as investigações, um grupo de auditores fiscais trabalhou com cerca de 10 mil empresas – dos segmentos de indústria, atacado e varejo, usando dados de contribuintes cruzados a estas empresas.

Foram analisados, minuciosamente, a capacidade financeira dos sócios, as estruturas físicas dos estabelecimentos e empresas com objeto social distinto do tipo de operações que executa.

Na operação, diversos setores foram fiscalizados, com destaque para os de metalurgia, plásticos, têxtil, calçados, bebidas, combustíveis, cigarros, automotores, material de construção e móveis.

Segundo o superintendente de Fiscalização Carlos Renato Confar, o trabalho no combate à sonegação é para garantir a concorrência leal para quem investe no estado ou deseja investir. Ele destaca que as fiscalizações são voltadas para a mudança de comportamento dos contribuintes, além de ampliar a base de tributação e crescimento da arrecadação.

Fonte: G1

Mais lidas