Conecte-se conosco

Bizarro

Polícia resgata criança que era mantida presa em barril, acorrentada e sendo alimentada por casca de banana e fubá crú

Avatar

Publicados

em

A republicação total ou parcial deste conteúdo é gratuita desde que citada a fonte com o link para o site do portal "opopularns.com.br" | A não citação da fonte com o link para o site implicará em medidas judiciais de acordo com a lei de direitos autorais 9610/98.

Três pessoas são presas acusadas de tortura, entre elas está o pai da criança que afirmou as autoridades que tratamento era para educar o menino de 11 anos

Na cidade de Campinas, no Estado de São Paulo, uma criança de apenas 11 anos, era mantida como um verdadeiro animal. O Menino vivia preso em um barril e era alimentado com cacas de banana e fubá crú pelo próprio pai.

Segundo apurado o menino que era mantido pelo próprio pai dentro de um barril de ferro com as mãos e os pés acorrentados foi resgatado pela polícia de Campinas.

De acordo com as informações repassadas a criança era mantida nas condições sub-humanas pelo menos desde o começo do ano.

A criança vivia completamente nu, e em vídeo feito no local, foi exposto que a criança ficava presa dentro do barril com uma pia impedindo-o de sair.

Relacionado as condições de maus tratos, informações repassadas pela polícia apontam que a criança estava há quase cinco dias sem comer.

Conforme repassado, três pessoas foram presas pelas autoridades, sendo acusados pelo crime de tortura, sendo eles o pai do menino, sua namorada e filha da mulher.

Ainda segundo as informações repassadas pelas autoridades, os policiais chegaram até a vítima e acusados após recebimento de denúncias feitas por vizinhos levaram a PM ao local da ocorrência.

De acordo com a PM, o caso já era apurado há cerca de um ano pelo Conselho Tutelar, que acompanhava o caso, mas não impediu os sofrimentos da criança.

Para a polícia, o pai da criança disse que o filho é muito agitado, agressivo e fugia de casa e alegou que fazia isso para educá-lo.

Mais lidas