Conecte-se conosco

Política

Dois pesos duas medidas

Israel Silveira

Publicados

em

Durante o julgamento do processo de cassação que acontece nesta tarde na Câmara Municipal de Nova Serrana, contra o vereador Valdir das Festas Juninas, o presidente da Casa Ricardo Tobias, apontou que há dois pesos duas medidas na Câmara Municipal.

A critica do vereador foi no sentido de que as falas dos edis Teresinha do Salão, Chiquinho do Planalto e Cabral, contradizem o relatório aprovado pela comissão composta pelos três vereadores na condução do processo.

“Eu não poderia deixar de fazer o meu parecer, porque o relatório é pela conclusão inicialmente ratifico todos os termos da comissão processante que seguiu e viu que há vícios, eu no final vou declarar meu voto como já declarei todas às vezes. O que estou vendo pelas falas e conclusões, pelas falas é uma postura e pelo relatório é outra”. Disse Ricardo Tobias.

Terezinha

Diante das falas a vereadora Teresinha do Salão pediu a palavra e respondeu as considerações do presidente. “Tem aqui o áudio de quando eu falo da comissão, o que eu votaria para decisão em plenário dos 11 vereadores e não somente da comissão. O relatório foi pela cassação mas eu manifestei que eu disse que seria a favor de entrar em plenário para uma decisão do plenário e não somente da comissão. Todos os vereadores tem total responsabilidade por seus atos e ações, principalmente por seu voto”. Disse Teresinha.

Cabral

Por sua vez o relator do processo vereador Cabral também pediu a palavra e disparou contra o presidente, que dois pesos e duas medidas é uma postura que o presidente costuma ter ao descumprir o regimento interno por solicitações do executivo.
“Meu relatório é esse mesmo, deliberei, não declarei meu voto, dois pesos e duas medidas tem o senhor quando o regimento interno diz uma coisa, e o senhor toma outra atitude pelo mando do que vêm do executivo, dois pesos duas medidas tem o senhor”. Finalizou Cabral

Mais lidas