Conecte-se conosco

Economia

Deputado Fábio Avelar apresenta o conselho estratégico de desenvolvimento econômico de Nova Serrana na Assembleia Legislativa e Minas Gerais

Avatar

Publicados

em

O deputado Fábio Avelar levou ao conhecimento da Comissão de Desenvolvimento Econômico da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), dia 7/5, o Conselho Estratégico de Desenvolvimento Econômico de Nova Serrana, criado, em abril, pelo Sindinova e pela Câmara de Dirigentes Lojistas de Nova Serrana (CDL/NS).

Com o propósito de reunir as demandas dos setores do comércio e indústria, levá-las aos órgãos públicos ou entidades competentes e buscar soluções ágeis, o Conselho é formado por 13 membros gestores e tem como membro consultivo o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae).

Segundo apontou Fábio: “Participei da apresentação oficial do Conselho na sede do Sindinova e no mesmo dia já levei o assunto para a Comissão, na Assembleia. A nossa força fica muito maior, ao chegar numa Secretaria de Estado, junto ao Governo de Minas, com uma Comissão. Com certeza, esse novo Conselho será de extrema importância no tratamento de temas e soluções relevantes com relação ao desenvolvimento do município e economia, geração de emprego e renda”, afirma Avelar.

Apartidário, o Conselho Estratégico será mais uma ferramenta na criação de um plano de desenvolvimento econômico para Nova Serrana, com planejamento, proposições, visualização e implantação de oportunidades, entre outros benefícios.

Por sua vez o deputado se colocou a disposição do conselho para mais essa jornada. “Quero parabenizar o Sindinova, na pessoa do Presidente, Ronaldo Lacerda, e Vice-presidente, Pedro Gomes, também à Câmara de Dirigentes Lojistas de Nova Serrana (CDL/NS), na pessoa do Presidente Jonas Galvão, pela importante iniciativa. Todos podem contar comigo em mais esta jornada. Estou certo que, juntos, conquistaremos investimentos, junto ao Estado, que propiciem mais crescimento ao nosso município, indústrias e comércio. Estou aberto para receber e levar as demandas até a Assembleia e ao Governo do Estado”. Finalizou o Deputado.

Mais lidas