Conecte-se conosco

Câmara Municipal de Nova Serrana

Vereador pede instalação de barreira sanitária entre Nova Serrana e Pitangui

Avatar

Publicados

em

A republicação total ou parcial deste conteúdo é gratuita desde que citada a fonte com o link para o site do portal "opopularns.com.br" | A não citação da fonte com o link para o site implicará em medidas judiciais de acordo com a lei de direitos autorais 9610/98.

A situação da pandemia no Centro-Oeste mineiro, segue preocupando as autoridades, e como se não bastasse os problemas vivenciados  cada município, justamente pela estrutura hospitalar , a situação presenciada em cada cidade se torna um problema regional.


Em Nova Serrana, durante a reunião ordinária da última terça-feira, dia 13 de abril, o vereador Willian Barcelos (PTB) abordou o assunto e chegou até mesmo a solicitar instalação de uma barreira sanitária entre as cidades de Nova Serrana e Pitangui.

Segundo Barcelos “desde o início do ano, venho monitorando os números da pandemia na região. Temos oito municípios em nossa microrregião, cuja sede é Pará de Minas, e os números desses municípios, determinam, não somente as ações de enfrentamento, como a permanência ou mudança de onda, que tem seus efeitos sobre as atividades econômicas”.

Na oportunidade Barcelos afirmou que “é preciso agir com inteligência e senso de coletividade”, apontando que é necessário dialogo e ações conjuntas entre as cidades da região, manifestando ainda a sua preocupação com o quadro de pandemia presenciado na cidade de Pitangui.

Conforme informado pelo vereador, um requerimento foi encaminhado ao executivo municipal de Nova Serrana “para que se estabeleça uma espécie de barreira sanitária, que visa aferir a temperatura e prestar informações a todos munícipes que chegarem de lá, seja através do terminal rodoviário, entradas de acesso ou ônibus de trabalhadores”.

Willian considerou que espera uma atenção por parte da gestão municipal, acatando o pedido que no entendimento do vereador não é uma forma de exclusão ou constrangimento mas sim de proteção.

“Espero que o prefeito municipal acate o requerimento, e que as pessoas que se deslocam de lá para cá, diariamente, não se sintam constrangidos, mas protegidos. Não queremos que vidas sejam perdidas em nenhum dos municípios. E mais, vejo que a situação já demandou a realização de barreiras sanitárias no próprio município de Pitangui”.

Covid-19 em Pitangui

Conforme os dados divulgados referente a pandemia de Covid-19 na cidade de Pitangui, já são registrados no município, 57 óbitos em decorrência de coronavírus em uma cidade com aproximadamente 27 mil habitantes.

Ainda segundo dados apurados, na última terça-feira, a cidade contava com 44 pessoas de Pitangui hospitalizadas, ou seja 14 pacientes a mais do que os 30 pacientes que atualmente estão hospitalizados em Nova Serrana, levando em consideração inclusive que destes 14 são de outras cidades mineiras.

Barcelos destacou que há três meses, Pitangui contabilizava 10 óbitos, contudo, o quadro situação mudou nos últimos 90 dias, subindo de 10 para 57 mortes.

“Por isso, reafirmo a necessidade de barreiras aferir a temperatura e prestar informações a todos munícipes que chegarem de lá, seja através do terminal rodoviário, entradas de acesso ou ônibus de trabalhadores. Por fim, presto minha solidariedade a todas as famílias de Pitangui, que foram dilaceradas pela covid-19, e deixo nosso gabinete aberto para que possamos dialogar sobre formas de enfrentamento que ultrapassem as barreiras municipais e tenha como objetivo a saúde de todos”. Finalizou

 

Leia mais...
Propaganda

Mais lidas