Conecte-se conosco

Política

Vereadores se unem e assinam projeto que retira benefícios fiscais da Copasa

Avatar

Publicados

em

Projeto é resultado dos trabalhos de fiscalização promovidos pela Comissão Parlamentar de inquérito (CPI), instituida para investigar serviços e contratos da Copasa em Nova Serrana

Foi apresentado oficialmente durante a 38ª reunião ordinária da Câmara o projeto de lei 095/2018 que dispões sobre a desoneração fiscal da estatal Companhia de Saneamento de Minas Gerais – Copasa em Nova Serrana.

O projeto que originalmente é de autoria do vereador Willian Barcelos (PTB), será assinado por todos os legisladores da casa, isso pelo fato de que os trabalhos foram resultado do processo de CPI, instituído na Casa, para averiguar irregularidades na prestação de serviço da estatal.

De acordo com o presidente da CPI, vereador Adair da Impacto, o projeto que agora será assinado por todos os vereadores é fruto de um trabalho desenvolvido na casa que surtirá frutos para a cidade. “Este projeto é de todos, está sendo apresentado pelo colega Willian, mas é fruto de um trabalho conjunto dos vereadores da comissão e da casa, os resultados encontrados e a própria apresentação da pauta mostra que a fiscalização existe e esse é o primeiro passo de uma série de melhorias que devem acontecer”, disse Adair.

Já o líder do executivo na casa, Pr. Giovani Máximo ponderou que os vereadores estão lutando pelos direitos da população com apresentação e aprovação de pautas como esta. “Estamos lutando para que o cidadão possa ter todos os direitos. Queremos parabenizar a CPI da Copasa, ao mesmo tempo que é ruim passarmos por isso, entendemos que também é necessário pois sem fiscalizar e identificar as irregularidades não estaríamos cumprindo esse papel, lutando pelos benefícios para o cidadão”. Disse Pr. Giovani.

Por fim o presidente da Casa se pronunciou e ressaltou a qualidade do trabalho realizado pela comissão. “Quero parabenizar o trabalho da CPI, tenho também que reforçar que entendemos que a Copasa melhorou muito depois que se iniciou o processo de investigação por parte da comissão e entendemos que mantendo esse trabalho a empresa ainda vai melhorar muito a qualidade do serviço que é prestado a população”. Finalizou o presidente.

A pauta não deverá ter problemas para ser aprovada na Câmara, uma vez que todos os vereadores manifestaram o desejo de assinarem o projeto como autores da proposta.

Mais lidas