Conecte-se conosco

Curiosidade

Três municípios mineiros elegeram novos prefeitos em eleições realizadas no último domingo

Avatar

Publicados

em

Eleitores de três municípios mineiros foram às urnas neste domingo 07 de julho, para nomear novos prefeitos e vices, em eleições suplementares marcadas pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Os escolhidos vão cumprir os mandatos até o fim de 2020.

Em Aguanil, no Sul de Minas, o pleito foi marcado após o prefeito eleito em 2016, Sebastião Elói de Souza Campos (PV), morrer em outubro de 2017, em decorrência de problemas pulmonares. O vice dele, Heliton Goulart (PSD), assumiu a chefia do Executivo, mas teve o mandato cassado por irregularidades administrativas, em processo encerrado em março deste ano.

Os vencedores em Aguanil foram José Márcio de Oliveira e Ricardo de Oliveira, do PP, com 1.498 votos (48,43% dos votos válidos).

Também no Sul do Estado, em Elói Mendes, as eleições foram marcadas após a cassação da chapa eleita em 2016, do prefeito William Cadorini (PDT) e do vice, Marcos Miranda Sodré (PDT), por abuso do poder econômico e político.

Os eleitos deste domingo foram Paulo Roberto Belato Carvalho e José Horácio Bueno Martins (Keko), do PV, com 7.712 votos (49,42% dos votos válidos).

Já em Nova Porteirinha, no Norte de Minas, Joélia Santos Barbosa (MDB) e Marlene Barbosa Ribeiro de Menezes (PTC), da coligação Compromisso com o Povo, foram eleitas com 2.069 votos (47,48% dos votos válidos).

O pleito aconteceu depois da cassação da chapa eleita em 2016, que tinha como prefeito Juracy Fagundes (MDB) e vice Edésio Neto (PSDB). Eles foram cassados por abuso de poder econômico e compra de votos com distribuição de combustíveis.

Mais votações

Pelo Brasil. Outras duas cidades brasileiras também conheceram neste domingo seus novos chefes do Executivo municipal: Candeias do Jamari (RO) e Palmares do Sul (RS).Defesa Civil faz entrega das doações da Campanha do Agasalho 2019

Fonte: O tempo

 

Mais lidas