Conecte-se conosco

Governo Estadual

“Provavelmente teremos ainda crescimento dos óbitos”, afirma secretário Estadual de Saúde

Avatar

Publicados

em

A republicação total ou parcial deste conteúdo é gratuita desde que citada a fonte com o link para o site do portal "opopularns.com.br" | A não citação da fonte com o link para o site implicará em medidas judiciais de acordo com a lei de direitos autorais 9610/98.

A situação referente a pandemia de Covid-19 em Minas Gerais segue grave, e nas últimas 48h mais de 1000 mortes foram registradas por coronavírus foram registradas no Estado. O quadro no entanto provavelmente vai piorar nos próximos dias.


Segundo afirmou o secretário estadual de Saúde, Fábio Baccheretti, em coletiva realizada nesta quinta-feira, dia 08 de abril, a quantidade de óbitos em Minas continuará crescendo nos próximos dias.  “Provavelmente teremos ainda crescimento dos óbitos, mas tendência de estabilização dos casos”, diz Bacheretti.

De acordo com o secretário o número de mortes por Covid-19, reflete as internações de pacientes infectados duas ou três semanas atrás e que, por isso, não mostram o momento da pandemia no Estado.

“Confirma o que vivemos semanas anteriores. Não podemos relacionar [aumento] dos óbitos à progressão do Minas Consciente. Quem confirma é o número de casos, que está em queda”, explica Baccheretti.

Conforme anunciado na última quarta-feira, a progressão da Onda Roxa do programa Minas Consciente não mais estabelece o toque de recolher,contudo Baccheretti ressaltou a importância de não haver aglomeração no atual momento da pandemia, tendo em todo o Estado um cenário ainda é grave. “Então, fica nosso reforço que não é o momento de aglomerações. Estamos vivenciando um crescimento constante de óbitos nunca vivenciado pelo Estado”.

Leia mais...
Propaganda

Mais lidas