Conecte-se conosco

Policial

Padre é detido em Divinópolis por embriaguez ao volante, agressão e desacato

Avatar

Publicados

em

Um padre da paróquia Nossa Senhora Mãe dos Homens, no bairro Nova Vista, em Belo Horizonte, foi detido em Divinópolis, no Centro-Oeste de Minas por embriaguez ao volante, agressão e desacato, no último sábado, dia 09 de maio.

Segundo informado pela Polícia Militar (PM), o sacerdote se envolveu em um acidente de trânsito, e ainda agrediu uma mulher e fugiu do local, contudo o causador do acidente foi abordado após testemunhas repassaram aos militares as características do carro que o suspeito, posteriormente identificado como um padre dirigia.

Após o rastreamento o homem foi localizado pela PM. Durante a abordagem foi constatados pelos militares que o suspeito envolvido na agressão era um padre, e estava com a carteira de habilitação suspensa, sendo o sacerdote encaminhado até a delegacia de polícia.

Ainda segundo informado pela PM, na cela em que ficou detido, o padre teve um surto e se auto-agrediu, causando ferimentos em seu próprio corpo, por sua vez o sacerdote ainda desacatou uma soldado da corporação.

Conforme informado pela PM foi necessário o acionamento do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) para que fosse prestados atendimentos médico ao padre, devido aos ferimentos que eles mesmo causou em si.

De acordo com uma fonte do jornal O Tempo, ligada ao padre, foi repassado que o sacerdote tem familiares na região de Divinópolis.

Cabe ressaltar que a Arquidiocese de Belo Horizonte, qual o padre pertence, foi procurada e em nota informou que medidas serão adotadas de forma adequada à situação, nãos endo descartadas a inclusão das providências e penalidades jurídico-canônicas, mantendo o respeito à dignidade humana.

Confira a  nota na integra:

O que diz a Arquidiocese de Belo Horizonte.

A Arquidiocese de Belo Horizonte, informada sobre o ocorrido, acompanha os desdobramentos dos trabalhos conduzidos pelas autoridades competentes, em sintonia com a aplicação das medidas legais cabíveis. Respeitando as complexidades deste tempo singular, que impõe limites para o encontro e diálogo, adotará as medidas adequadas à situação, incluídas as devidas providências e penalidades jurídico-canônicas, com incondicional respeito à dignidade humana, à privacidade dos envolvidos e partindo sempre do princípio de que o sacerdócio é serviço à sociedade, dedicação à Igreja, a partir de genuíno testemunho da fé, requerendo conduta compatível com a responsabilidade assumida.

Reincidente

Ainda conforme apurado, essa não é a primeira vez que o sacerdote se envolve em confusões e boletins policiais. No ano de 2018, o padre se envolveu em uma ocorrência, quando se desentendeu com membros de um grupo de oração da  Paróquia São Francisco de Assis, no bairro Angola, em Betim, região metropolitana da capital.

na ocasião o pároco teria ligado para a secretaria da paróquia e reclamado do barulho que o grupo de oração fazia.

Fonte: Com informações O Tempo / Foto: Reprodução Google Street View

Clique aqui e faça parte de nosso grupo de whatsapp

Clique aqui e siga-nos no instagram

Clique aqui e siga-nos no facebook

JORNAL O POPULAR – A NOTÍCIA COM DEVE SER

Mais lidas