Conecte-se conosco

Ministério Público

Operação conjunta Tição de Iolau combate o crime organizado em Nova Serrana

Avatar

Publicados

em

A republicação total ou parcial deste conteúdo é gratuita desde que citada a fonte com o link para o site do portal "opopularns.com.br" | A não citação da fonte com o link para o site implicará em medidas judiciais de acordo com a lei de direitos autorais 9610/98.

Ações são fruto do trabalho de investigação e inteligência dos órgãos de segurança em continuidade as operações Hidra e Delivery desencadeadas em janeiro de 2020


Foi desencadeado na manhã desta quinta-feira (14/10) a Operação Conjunta Tição de Iolau. Os trabalhos são desenvolvidos pelo Ministério Público de Minas Gerais, Polícia Militar (PM) e Polícia Civil (PC).

Segundo as informações iniciais repassadas, a operação desencadeada nesta manhã, aconteceu em Nova Serrana e teve como foco combate ao Tráfico de drogas, empresas fantasma, emissão e venda de notas fiscais.

Informações repassadas pelo MPMG também apontam que um mandado de busca foi cumprido na cidade de Moema.

Conforme explicado pelo Promotor Davi Reis Pirajá, da 3º Promotoria de Justiça, da comarca de Nova Serrana, responsável pela operação, op nome da operação desencadeada em Nova Serrana e Moema, se dá justamente pelo conto de Iolau na Mitologia, onde com seu tição, Iolau iria cauterizando as cabeças da Hidra, que eram cortadas por Hércules.

A relação do nome da operação com a mitologia se dá justamente pelo fato das ações de investigação e inteligência, iniciadas há aproximadamente três meses, serem relacionadas à Operação Hidra, desencadeada em janeiro de 2020.

“Depois de Hércules cortar a cabeça do monstro com a espada, Iolau cauterizava com o tição, remetendo a duas semelhanças entre o conto e a realidade. Uma e a reestruturação do núcleo do crime após a operação, e a outra é relacionada à importância de identificar os braços do grupo criminoso com os recursos”. Informou o promotor.

Segundo narrou Dr Davi, “a operação surgiu a partir de indícios reunidos pela agência de inteligência do 60º Batalhão de Polícia Militar (BPM), no sentido de que parte dos integrantes que foram presos e denunciados, muitos inclusive já condenados na operação hidra, teriam voltado a realizar pratica criminosa relacionado ao trafico. Foi também identificado ainda indícios de novas pessoas envolvidas na mesmo organização, relacionada ao tráfico de drogas via delivery”.

Como resultado da operação, o Dr Davi também informou que “foram cumpridos 16 mandados de busca e apreensão e quatro mandados de prisão preventiva. Foram apreendidos  bens imóveis e apreendidos e três carros de alto padrão. Na operação foram presos oito  pessoas, quatro com mandado de prisão, pelo menos dois já tinham sido presos na Operação Hidra”.

Prova Achada

Dr Davi ainda explicou que no curso das investigações, que se deram inclusive com grampos telefônicos, foram encontrados não somente indícios de tráfico de droga, mas também de outros delitos relacionados a empresas falsas, emissões de notas fiscais e delitos provavelmente relacionados questões fiscais e tributárias.

“No curso da operação foram encontrados nas interceptações telefônicas, a prova achada, que damos este nome porque não era o crime que investigávamos, mas que se mostrou constatado. Estávamos procurando crime de tráfico e acabamos encontrando criação de empresas falsas, para emissão de nota fiscal, provavelmente relacionado a crimes de sonegação fiscal, lavagem de dinheiro entre outros”. Finalizou o promotor.

Confira o detalhamento dos materiais apreendidos:

8 presos

01 arma de fogo

01 aparelho celular furtado

10 Porções de maconha

02 tabletes de maconha

01 Porção de haxixe

04 Porções de cocaína

02 balanças de precisão

05 veículos

04 relógios

R$10.000,00 em dinheiro aproximadamente

Anotações do tráfico de drogas

Material utilizado no preparo e fracionamento das drogas

Medicamentos

Diversos aparelhos celulares

Computadores, HD externos, pen drives e documentos utilizados em crimes fiscais

Cartões e extratos bancários

02 Pássaros da fauna silvestre

Leia mais...
Propaganda

Mais lidas