Conecte-se conosco

Editorial

Doa a quem doer!

Publicados

em

A base de todo relacionamento é a confiança. Pelo menos essa é uma visão dos profissionais que atuam na redação do jornal O Popular.

Marido e mulher, namorados, irmãos, amigos, ficantes, e até mesmo aqueles que sanam suas carências com companheiros não oficiais. Tem a necessidade de confiarem no próximo com quem se estabeleceu um laço.

Um pai precisa confiar no filho, para que ele possa crescer e assim se tornar alguém digno de respeito, e ainda, que levará por toda a vida o legado, a responsabilidade das tradições, dos cuidados e dos ensinamentos que são repassados de geração em geração.

No meio profissional as relações também são definidas pela confiança. Em uma equipe o papel do seu companheiro é crucial para o sucesso do grupo, e se você não confia que ele é capaz de executar com excelência a sua função, o insucesso é premeditado.

Quando se pensa nos processos públicos, em um processo administrativo como uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), a confiança e a credibilidade das informações são um fator de suma importância para que o processo seja efetivo.

Em Nova Serrana, não por acaso temos dois processos de CPI instaurados. Parece que os legisladores encontraram e aprenderam como se instaura um processo de investigação de forma correta.

Tudo bem que a CPI da Copasa, começou de forma errada e o processo administrativo teve que ser reiniciado. Mas de fato, aparentemente os vereadores aprenderam que instaurar uma comissão que promoverá uma investigação palpável em denúncias e fatos é muito mais impactante do que chamar o prefeito de ladrão.

Assim foi então instaurada a CPI da Saúde, e se você está pensando que estamos aqui para enaltecer o processo, vamos ter que decepcionar sua visão quanto a isso caro leitor.

Tudo bem a medida é positiva, e como disse o vereador Adair da Impacto (avante) ao final da audiência realizada na última terça-feira, a CPI tem como papel a averiguação de fatos e através dos erros encontrados, indicar o caminho correto a se seguir no município, afinal, “uma gestão não se faz da noite para o dia”, disse Adair.

O problema é que nessa CPI em questão um médico, obstetra, já concursado a mais de uma década em Nova Serrana foi o profissional que teve coragem de promover inúmeras denúncias.

As denúncias caro leitor, devem ser aferidas e esperamos que o médico apresente as provas e aquilo que for encontrado de forma errada deverá ser ajustado.

Contudo a questão é que uma fala da secretária chamou a atenção para uma situação inusitada. A secretária em determinado momento questionou se os procedimentos de venda de atendimento (indicação de pacientes do SUS, a fazerem procedimentos em clinicas particulares) como denunciado pelo médico, aconteciam somente em outras especialidades e se não haveria nenhum caso de obstetrícia.

Isso nos fez pesquisar e obtivemos a informação de que o médico denunciante foi acusado e respondeu um processo administrativo em 2014. O alvo do processo teria sido a conduta do médico contra os pacientes, e podemos reforçar que as acusações que o medico denunciante respondeu em 2014 foram sérias, porém por algum motivo não foi amplamente divulgado, e o resultado culminou em um arquivamento sem que mais explicações fossem dadas.

Não estamos aqui para falar que as denúncias feitas são infundadas ou inverídicas, isso será comprovado com as provas apresentadas. Se foram verdadeiras que sejam corrigidas, se forem infundadas menos mal.

Mas como apresentado pelo médico em questão, os problemas da saúde a serem aferidos não são de hoje, eles vem de gestões passadas e assim sendo, gostaríamos que os vereadores também investigassem o caso e trouxessem as devidas explicações sobre o arquivamento, até porque assim todos teremos certeza de que não tenha resquício algum quanto a qualquer processo relacionado à saúde municipal.

Esperamos que esta CPI não tenha começado com o pé esquerdo, que não haja dano a moral, e que tudo que há de errado na saúde seja apurado, esclarecido, corrigido e responsabilizado, afinal o objetivo é revirar o entulho e tornar toda a saúde salutar, isso deve acontecer com veemência, doa a quem doer.

Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Copyright © 2018 Ineo Sistemas