Conecte-se conosco

Geral

Concebra pode quebrar nos próximos meses, diz advogado

Israel Silveira

Publicados

em

A republicação total ou parcial deste conteúdo é gratuita desde que citada a fonte com o link para o site do portal "opopularns.com.br" | A não citação da fonte com o link para o site implicará em medidas judiciais de acordo com a lei de direitos autorais 9610/98.

A Concessionária das Rodovias Centrais do Brasil, Concebra, pode pedir falência nos próximos meses, disse o advogado José Cardoso Dutra à reportagem do portal da Infra. José Cardoso é sócio da Dutra Associados, escritório que representa a Triunfo Concebra.

De acordo com o advogado, a Concessionária pode quebrar devido a redução dos valores cobrados nos pedágios imposta, em junho deste ano, pela ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres) somado a diminuição do tráfego de veículos nas rodovias causada pela pandemia da Covid-19. Dutra contou ainda que em julho a empresa entrou no vermelho e – cravou – que a Concebra poderá pedir falência em outubro deste ano.

A reportagem da TV KZ fez contato com a Concebra que enviou uma nota, no entanto, no esclarecimento não foi citado nada sobre a possível quebra da empresa. Entretanto, segundo explicação, a Triunfo permanecerá prestando o serviço. Veja abaixo:

A Triunfo Concebra esclarece que segue cumprindo com a conservação e prestação de serviço de socorro médico e mecânico para os usuários e busca soluções para amenizar os impactos da crise econômica desde o ano de 2014, a não liberação dos financiamentos do BNDES e outros fatores essenciais para manutenção da concessão. 

Vale reforçar que a empresa sempre cumpriu seus compromissos financeiros com empregados e fornecedores. 

Já a ANTT respondeu à nossa equipe e disse que a redução da tarifa da Concebra decorreu de processo de revisão regular, conforme está previsto no contrato de concessão e nos normativos vigentes da Agência.

A Triunfo Concebra é dona da concessão das rodovias BR-060/153/262 e também já fez um pedido de relicitação, junto a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), do lote de concessões. O pedido para devolução das rodovias foi enviado no dia 13 de abril deste ano.

Leia mais em: https://www.tvkz.com.br/brasil/geral/concebra-pode-quebrar-nos-proximos-meses-diz-advogado/9501/

Leia mais...
Propaganda

Mais lidas