Conecte-se conosco

Economia

Com distribuição federal, alguns municípios são beneficiados com valores irrisórios para enfrentamento ao coronavírus

Avatar

Publicados

em

Conforme anunciado pelo vereador Willian Barcelos, Nova Serrana receberá cerca de R$ 500 mil para o enfrentamento a pandemia de coronavírus. O recurso será encaminhado a cidade devido a uma verba federal de aproximadamente R$ 4 bilhões para auxilio aos municípios.

Apesar do valor significativo passado a Nova Serrana, essa não será a realidade de todos os municípios do país e a grande maioria das cidades de Minas receberão quantias consideradas irrisórias para promoção a saúde pública.

Segundo pontuado pelo jornal O Tempo, diante dos valores repassados aos municípios para o enfrentamento a Pandemia do coronavírus, chama a atenção quantias irrisórios destinadas para algumas cidades, como Balbinos (SP), que receberá apenas R$ 4,03.

De acordo com o levantamento feito pelo jornal O Tempo, com o valor que será repassado para a cidade de Balbinos, a cidade conseguirá comprar nada mais do que apenas um par de luvas cirúrgicas em uma drogaria da capital mineira.

Em levantamento foi exposto que parte dos municípios mineiros irão receber valores abaixo de R$ 1.000, esse é o caso de cidades como Mathias Lobato, R$ 558,63, Jampruca, R$ 597,22,   Nova Módica, R$ 622.13 e Campanário, R$ 724.18.

Para o presidente da Associação Mineira de Municípios (AMM), Julvan Lacerda, a causa dos baixos valores recebidos por essas cidades está no desconhecimento delas por parte do governo federal.

“As decisões são tomadas em Brasília, longe da realidade, e muitas vezes tem essas distorções, embora, desta vez, o governo federal foi mais ágil, porque em relação às outras tragédias, não apareceu ninguém aqui”, diz.

Segundo explicou o Ministério da Saúde, o valor é definido de acordo com o tamanho do município. A cidade de Balbinos (SP) por exemplo tem 4.819 habitantes e uma área de 90.9 km².

Fonte: com informações do O Tempo

Mais lidas