Conecte-se conosco

Economia

Coleção primavera verão faz sucesso em feira italiana e gera US$ 37 milhões em negócios

Publicados

em

Coleção primavera verão apresentada por mais de 70 marcas brasileiras fez sucesso na maior feira de calçados do mundo, e mais de 1,4 mil contratos foram fechados em dois dias de evento

Realizada entre os dias 16 e 17 de setembro em Milão na Itália e considerada a maior feira calçadista do mundo, a Micam Milano, encheu os brasileiros de expectativa e segundo a Associação Brasileira das Indústrias de Calçados (Abicalçados) o evento deve gerar mais de US$ 37 milhões entre negócios efetivos in loco e alinhavados para as 71 marcas brasileiras participantes.

As marcas brasileiras participaram do evento contando com o apoio do projeto Brazilian Footwear, programa de incentivo às exportações de calçados mantido pela em parceria com a Abicalçados e a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil).

Segundo o gestor de Projetos da Abicalçados, Cristian Schlindwein,  mais de mais de 1,4 mil contatos com compradores dos principais mercados do mundo foram firmados durante o evento.

O gestor ainda apontou que o montante dos negócios superou as expectativas dos participantes brasileiros. “O volume de negócios esperados ficou 12% acima do registro da mostra de mesmo período do ano passado, que já havia sido positivo”, comemora.

Ainda segundo o gestor, os visitantes estavam mais interessados nos produtos brasileiros, dispostos a aumentar o leque de produtos em suas lojas. “A Micam também se mostra cada vez mais estratégica para a internacionalização das empresas por atrair um público diversificado e de diferentes nacionalidades”, acrescenta.

Destaque para a coleção primavera verão

Na feira as empresas brasileiras apresentaram as coleções de primavera-verão, e o resultado foi positivo, o que foi confirmado pelo volume de negócios e a aceitação dos produtos verde-amarelos. “Recebemos muitos elogios dos clientes que nos visitaram e o resultado culminou com a abertura de uma importante rede do Oriente Médio, que é mercado-alvo da marca nos próximos dois anos”, conta Jéssica Bender, gerente de exportação da Petite Jolie.

Jessica Bender ainda acrescentou que os resultados positivos da empresa ainda foram relacionados a abertura de mercado uma vez que além de atender os clientes já tradicionais novos clientes foram captados e negócios forem fechados durante a feira.

Posicionamento no mercado internacional

Alexandre Salomão,  gerente de exportação da Sollu  por sua vez ressaltou na importância da Micam para o posicionamento da marca.

Segundo o gerente a mostra é a principal vitrine para o mercado internacional, pois atrai compradores de diferentes cantos do mundo. “Essa edição foi muito movimentada e me chamou a atenção a diversificação de países que atendemos. Recebemos compradores qualificados, conseguimos retomar um cliente na Arábia Saudita, abrir os mercados da África do Sul, Coreia do Sul e México, e sabemos que o investimento na pesquisa e desenvolvimento de produtos está rendendo resultados muito positivos para a marca”, comenta.

Já para o gerente de exportação da Contramão, Gustavo Bacchiegga, a feira ficou acima das expectativas. Em sua terceira edição no evento, a marca aproveitou os quatro dias para fazer a manutenção e captar novos clientes. “Conseguimos abrir os mercados da Alemanha, Arábia Saudita e México. Acredito que a feira deste semestre vai nos gerar bons resultados, mostrando que estamos no caminho certo”, finalizou.

Mais lidas

Copyright © 2018 Ineo Sistemas