Conecte-se conosco

Editorial

Carta ao amigo John!

Léo Junqueira

Publicados

em

A republicação total ou parcial deste conteúdo é gratuita desde que citada a fonte com o link para o site do portal "opopularns.com.br" | A não citação da fonte com o link para o site implicará em medidas judiciais de acordo com a lei de direitos autorais 9610/98.

John, eu nunca consegui te esquecer.


Lembro das suas músicas e as mensagens que queria me passar, como se fossem feitas pra mim. Mesmo com sua cara fina, nariz longo e óculos esquisitos, sempre soube que tínhamos algo em comum além da música.

John, aqui na minha terra tem muito sertanejo fazendo coisas que parecem música, mas não são. Ou seguem aquilo que você repudiou ou apenas fazem as pessoas sofrerem com mensagens de grande ignorância sentimental. E as pessoas sofrem sem saber porque!

Hoje estamos todos confinados em nossas casas, sem saber o que fazer por conta de um vírus estranho, nascido na China e veio alojado num morcego. Lá eles comem morcegos, sabia disso John?

John, estamos todos em nossas casas confinados como medida de proteção, como acontecia em filmes de ficção científica. Mas agora o caos tornou-se realidade. Cheguei a pensar que poderíamos estar chegando ao fim do mundo, que a vida para a raça humana acabaria pelos nossos erros, nossa ganância e porque aprendemos a brincar de Deus. Sim John, brincamos com a genética, com a natureza e tudo mais à nossa volta e perdemos a humildade, perdemos sentimentos bons para a vida e nos perdemos uns dos outros.

Porém hoje estive pensando, que nem tudo é o que parece ser… Uma lição aprendida com a sabedoria indígena de origem milenar. Em meio ao caos estabelecido em escala mundial, começo a ver coisas acontecendo que nunca imaginei e me lembrei de você, John, com sua música “Image”!

Você nos pediu para imaginar que não existiria o paraíso, nenhum inferno e apenas o céu estaria sobre nós. E que todos estaríamos vivendo o presente, sem a existência de países, fronteiras, divisões ou qualquer motivo para matar ou morrer… E sem religiões todas as pessoas estariam vivendo em paz.

John, você “é o cara!”

Você não é um sonhador. Você era um visionário e hoje até eu estou vendo que isso é possível. O Coronavírus está nos unindo, está nos transformando, está ensinando e mostrando que podemos ter um inimigo comum, realmente. E se temos esse inimigo comum, também podemos nos unir contra ele.

A sua esperança de um dia estarmos todos juntos pode estar acontecendo agora, John! Somos uma raça… A humana!

Aparentemente a economia mundial está “indo pro saco” e a fraternidade, a solidariedade está deixando de ser unilateral. Agora, no momento estamos compartilhando a tristeza com o mundo inteiro. Estamos tristes com tantas mortes sem sentido ou por motivos que ignoramos. Mas John, demorou muito para entendermos isso!

Não direi que você era um sonhador. Vou continuar dizendo que você era o John, o John Lennon que mexeu tanto com minha consciência, ainda na adolescência. Hoje não sou um isolado da realidade, mas estou isolado na minha casa. Sabe por que? Porque aprendi que estar isolado não é estar na solidão. Estar isolado pode ser apenas o começo de uma nova era… Quando o mundo poderá ser um só…Como você sonhou!

LEONARDO VELOSO JUNQUEIRA é daqueles publicitários da época romântica, quando a comunicação ainda era feita com base no talento criativo. Foi sócio fundador da Insight Comunicação durante 22 anos prestando serviços de comunicação e marketing a grandes empresas, como Pastifício Santa Amália, Riclan (fabricante do Pircóptero e drops Freegell’s), Cera Inglesa, Calçados Jacob (Kildere), Café Brasil, Balas Santa Rita entre outras grandes empresas que fizeram histórias de sucesso. Trabalhou em grandes agências de publicidade em Minas e na área política, como publicitário, assessorou as prefeituras de Uberlândia, Varginha e Divinópolis além de desenvolver e coordenar inúmeras campanhas políticas, das quais destacamos a eleição de Zaire Rezende (Uberlândia), Maurinho Teixeira (Varginha), Paulo Tadeu (Poços de Caldas), Galileu Teixeira (Divinópolis), Paulo César (Nova Serrana), Toninho André (São Gonçalo do Pará) além de vários deputados estaduais e federais. Léo Junqueira é consultor de marketing, compositor, violeiro, escritor e colunista do Jornal O Popular

Leia mais...
Propaganda

Mais lidas