Conecte-se conosco

Política

Após declarações polêmicas, câmara realizará reunião extraordinária para avaliar pedido de cassação do vereador Willian Barcelos

Publicados

em

Após reunião realizada na tarde desta quinta-feira, dia 19 de julho, a presidência da Câmara Municipal de Nova Serrana, seguindo o posicionamento de mais oito vereadores presentes no encontro, entendeu por bem agendar uma reunião extraordinária para avaliar se aceita ou não a denúncia para instauração de inquérito que pode culminar na cassação do vereador Willian Barcelos (PTB)

Segundo o presidente da Casa Osmar Santos (Pros), a proposta da reunião realizada nesta tarde era para ouvir o vereador o que não aconteceu. “Houve o intuito de ouvir o vereador, por isso agendamos a reunião de hoje. Quando ele disse tudo que foi postado, acreditamos que ele não estava em um bom momento, queríamos que ele se retratasse mas ele não compareceu”. Disse o presidente.

Ainda segundo o presidente é importante ressaltar que os edis não foram eleitos com o interesse em caçar vereador algum. “Não fomos eleitos para caçar colegas, é muito ruim instaurar um processo contra um colega, e ele é um bom vereador, mas a postura dele não condiz com o que entendemos para a casa. A instituição não é a casa da mãe joana e sim do povo, por isso será aberto o procedimento” pontuou o presidente.

Conforme comunicado pelo presidente a reunião extraordinária está marcada para as 16h, desta sexta-feira, dia 20 de julho, no plenário da Câmara Municipal de Nova Serrana.

Posicionamento do vereador Willian Barcelos

Ao ser questionado sobre o não comparecimento na reunião marcada entre os edis, o vereador Willian Barcelos justificou. “Sobre não participar da reunião que foi marcada para essa tarde, eu tomei essa postura pelo fato dela ser feita a portas fechadas, o que causou estranheza afinal foi dito anteriormente que a imprensa seria chamada para a mesma, e poucos instantes antes foi pontuado que não seria permitida a entrada da imprensa, que estava presente e a postos para cobrir o encontro. Caso eu seja convocado para a extraordinária o que não aconteceu até o momento eu iriei comparecer, isso porque em plenário todos vão poder entender e ter total acesso a tudo que for dito e posicionado”. Justificou o vereador.

Sobre o teor da suposta ofensa, o vereador Professor Willian Barcelos disse que é responsável por aquilo que fala e não por aquilo que os demais parlamentares entendem. “Picareta tem como sinônimo: ludibrioso. O que eles estão fazendo é ludibriar a população, uma vez que aprovaram uma proposta que deveria se encerrar dentro do próprio legislativo. Com a forma de projeto de lei, que carece da sanção do prefeito, mais uma vez estão buscando colocar algo ilegal para que prefeito fique com a faca na garganta”. Disse Willian.

O vereador ainda abordando ao projeto de lei 072/2018, referente ao auxilio alimentação, afirma que caso o prefeito aceite e sancione o projeto ele estará cometendo crime de improbidade. “Se ele sanciona, comete ato de improbidade administrativa por diversas razões, uma delas a de contrair despesa não prevista nas peças orçamentárias vigentes.  Se ele veta, fica mal com o funcionalismo não somente da Câmara, mas também da Prefeitura, uma vez que determinaram o auxílio alimentação para os servidores da Câmara e apenas o autorizaram para os demais do Executivo. Trata-se de proposta demagógica e inviável, assim como várias já apresentadas ou aprovadas neste ano, incluindo-se as mirabolantes indicações”. Explicou Barcelos.

Barcelos ainda disparou indicando que toda a situação é picaretagem. “Tudo isso “para inglês ver”. Isso é ludibriar. Isso é para quem conhece os verbetes da língua portuguesa: picaretagem. Mas é claro que ali existem maliciosos e outros que por convicção ou indução acompanharam o raciocínio dos manipuladores da Casa. Os que votaram de boa-fé não são picaretas. Todos nós estamos sujeitos à manipulação em algum momento. O importante é estar sempre de olhos abertos. Não nomeei ninguém. Não tenho culpa se a carapuça serviu a vários. Talvez, a maioria”. Finalizou o Prof. Willian Barcelos.

Clique nos títulos abaixo e confira matérias relacionadas ao fato.

– Willian Barcelos dispara em redes sociais e chama vereadores de “bando de picaretas”

 

– Vereador Willian Barcelos afirma que tem receio da Câmara se tornar a “casa da mãe Joana

 

– Editorial: Como a Casa da Mãe Joana!

 

Mais lidas

Copyright © 2018 Ineo Sistemas