Conecte-se conosco

Policial

Apesar de dois homicídios no final de semana, crimes violentos em Nova Serrana tem redução de 50%

Publicados

em

 

Índice de crimes violentos de Nova Serrana tem redução, número de homicídios apresenta queda, mas tentativas de homicídios já é o maior em três anos

Neste final de semana mais dois homens foram mortos em Nova Serrana de forma brutal e o número de homicídios consumados no município chega a sete casos em 2018, segundo dados da PMMG.

RAPAZ É ENCONTRADO MORTO QUASE DECAPITADO

O primeiro crime deste final de semana foi registrado na manhã do último sábado, dia 05 de maio. De acordo com informações do 60º BPM de Nova Serrana, por volta das 10h, a Polícia Militar (PM), através do Copom, recebeu uma denúncia anônima relatando que havia um corpo caído ao chão em uma mata próxima ao condomínio Parque das Águas.

Diante da denúncia a PM se deslocou ao local informado, onde constatou que havia um homem, enrolado em um lençol, caído ao solo, sendo constatado em seguida que o mesmo já estava em vida.

No local os policiais ainda notaram que havia resquícios de sangue junto ao corpo, o que segundo indicava que a morte era recente.

A PM então acionou a perícia criminalista que compareceu no local do fato. Após início dos trabalhos os peritos constataram que havia diversas perfurações no corpo proveniente de instrumento perfuro/cortante (faca ou semelhante), distribuídas pelo tórax, axilas e pescoço.

A perícia ainda informou aos militares sobre uma possível intenção dos autores de decapitarem a vítima, uma vez que para concluírem esse fato restaram-se apenas alguns centímetros de corte no pescoço.

A vítima foi identificada pela Polícia Civil na tarde desta segunda-feira, como Bryan Henrique Barbosa de Sousa. O rapaz tinha idade de 17 anos e segundo informações dos familiares ele estava desaparecido desde a tarde de sexta-feira, dia 04 de maio.

 HOMEM COM PASSAGENS CRIMINAIS É EXECUTADO

O segundo homicídio foi registrado na noite deste domingo, dia 06 de maio, quando por volta das 19h30 um homem foi encontrado morto com perfurações de arma de fogo no bairro Industrial em Nova Serrana.

De acordo com relatos de testemunhas aos militares, indivíduos chegaram ao bairro em um veículo Toyota Corolla preto, quando a vítima desembarcou do carro e foi perseguida por um passageiro, que efetuou vários disparos em sua direção.

O jovem, que provavelmente tinha idade entre 15 e 20 anos caiu após ser atingido pelos disparos. O motorista do carro parou o veículo próximo à vítima e efetuou novos disparos e fugiu sentido a rua Ester Coelho Ribeiro.

A perícia foi acionada e no local constatou que pelo menos nove disparos, sendo seis no rosto, dois no tórax e um no abdômen. Ainda segundo a perícia os tiros foram de armas de calibres diferentes sendo colhidos no local do crime quatro capsulas de calibre 9 milímetros e duas de calibre não informado.

Na manhã desta segunda-feira (07), a vítima foi identificada pela Polícia Civil como Alexandre de Oliveira Velez. O rapaz foi identificado ainda com idade de 19 anos e já tinha passagem criminal desde quando ainda era menor de idade.

 Homicídios e tentativas

Apesar de serem notícias drásticas e causarem impacto quanto à sensação de segurança a cidade vem obtendo números quanto a criminalidade, relevantemente melhores do que os vivenciados em 2016.

A cidade que mais cresce em Minas Gerais vem obtendo índices de criminalidade que apontam os investimentos feitos em segurança pública no município quanto salutares no que tange a segurança pública.

Os esforços movidos pelas autoridades políticas e civis de Nova Serrana juntamente com as forças de segurança municipal tem gerado números positivos quanto à redução dos crimes violentos na cidade.

Em 2018 os registros de homicídios ainda estão inferiores aos anos anteriores, contudo, o aumento nos índices de tentativa de homicídio é preocupante.

De acordo com as estatísticas do Governo de Minas, disponibilizadas no portal Minas em Números, no ano de 2016, Nova Serrana registrou 08 homicídios consumados entre os meses de janeiro e maio. Já em 2017 foram registrados 12 homicídios no mesmo período e em 2018, até a primeira semana de maio foram contabilizados 07 homicídios.

Quanto ao número de tentativas de homicídios neste ano a cidade contabilizou 19 crimes, enquanto no ano de 2017 foram registradas 18 tentativas e em 2016, 16 homicídios tentados.

 Índices de crimes violentos tem queda quando comparados a 2017

Ainda segundo os dados em 2016, Nova Serrana contabilizou entre os meses de janeiro e março 317 registros de crimes violentos, já em 2017 os números apontaram crescimento superior a 110%, o município contabilizou no ano passado 683 crimes violentos, ou seja, 343 a mais do que em 2016.

Já em 2018 no mesmo período a cidade contabilizou 390 crimes violentos, ou seja, obteve uma redução de aproximadamente 50% quando comparado ao mesmo período de 2017.

Principais crimes violentos

Os dados do Governo do Estado apontam ainda que nos três primeiros meses de 2018 o crime de maior incidência na cidade são os roubos, que tiveram contabilizados 371 casos registrados somente este ano.

Os números de roubos de 2018 representam uma redução de 43% na ocorrência de crimes dessa natureza quando comparados a 2017, ano em que foram registrados 661 casos.

Outro crime violento que obteve significativa redução, quanto aos crimes de estupro e estupro de vulnerável. No primeiro trimestre de 2017, foram registrados sete casos consumados de estupro e estupro de vulnerável.

Já em 2018, houve uma redução de 350% quanto ao registro de crimes dessa natureza, sendo registrados e confirmados pelos dados do Governo de Minas apenas dois casos no município de Nova Serrana.

Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Copyright © 2018 Ineo Sistemas