Conecte-se conosco

Câmara Municipal de Nova Serrana

Vereador Juliano do Boa Vista é absolvido do processo de cassação

Avatar

Publicados

em

Todos os seis edis afastados pela operação Kobold foram absolvidos em julgamentos realizados na Câmara Municipal de Nova Serrana

O Vereador Juliano do Boa Vista foi o último dos seis vereadores afastados pela operação Kobold a ser absolvido no processo de cassação promovido na Câmara Municipal de Nova Serrana.

Juliano, foi o último vereador a ser julgado, contudo a denúncia que foi a julgamento por quebra de decoro não se deu pelo MDB, e sim pelo vereador Willian Barcelos. Isso porque o processo de Juliano foi o único dos seis procedimentos que foi arquivado após parecer do relator, vereador Jadir Chanel, apontando fim do prazo decadencial.

Após o arquivamento, foi então solicitado pela própria defesa de Juliano que a denúncia ofertada pelo vereador Willian Barcelos, fosse acatada pela Câmara, e colocada em julgamento, abrindo a defesa mão de todos os prazos processuais, sendo então realizado nesta segunda-feira, dia 27 de julho o julgamento.

Julgamento

Em reunião extraordinária realizada no plenário do Legislativo Municipal foi realizado o julgamento que contou com o voto de 10 dos 13 vereadores do legislativo, isso porque Willian Barcelos como denunciante e Remirto José, por ser suplente, foram considerados impossibilitados de votar.

O julgamento também não contou com a presença do vereador Cabral que segundo apurado justificou sua ausência por ter outros compromissos previamente agendados, conforme ofício apresentado na reunião.

Dessa forma em votação secreta, Juliano do Boa Vista foi absolvido por 5 votos contrários a cassação, 4 votos favoráveis e uma abstenção.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Mais lidas