Conecte-se conosco

Corpo de Bombeiros

Tragédia em Capitólio: autoridades confirmam sétima vítima fatal

Publicados

em

Foi confirmado pelas autoridades que atuam no resgate e atendimento das vítimas da tragédia ocorrida no Lago de Furnas em Capitólio, que ao todo sete pessoas morreram no incidente registrado no sábado (8/1).


O número de vítimas pode ainda subir para 10, isso porque conforme repassado pelo Corpo de Bombeiros de Minas três pessoas ainda estão desaparecidas, durante a tarde a informação era que 20 pessoas eram procuradas pelas autoridades.

“A modificação se dá em decorrência da própria característica do acidente, muitas pessoas foram socorridas por embarcações que estavam na região e foram levadas por meios próprios para unidades hospitalares. Assim sendo, inicialmente elas foram classificadas como desaparecidas, mas ao longo do dia, graças a força-tarefa, foi possível fazer o contato com as vítimas”, explicou a corporação em nota.

Resgate

Com o impacto da queda da rocha, várias pessoas foram arremessadas nas águas. O socorro a elas também foi prestado por lanchas e barcos que estavam na região. As vítimas foram levadas aos hospitais por anônimos durante o passar das horas.

Também participam da força-tarefa membros da Polícia Militar, Polícia Civil, Defesa Civil e Marinha do Brasil.

Por falta de visibilidade no local do acidente, o Corpo de Bombeiros interrompeu os trabalhos de buscas na noite deste sábado. As operações de mergulhadores serão retomadas pela manhã deste domingo, 9.

Força-tarefa para identificação de vítimas

A Polícia Civil montou uma força-tarefa para identificar as vítimas do acidente. Como a tragédia aconteceu num momento de lazer, grande parte das pessoas estavam sem o documento de identidade. Será analisada a digital de cada uma delas.

Fonte: Com informações do jornal O Tempo

Mais lidas