Conecte-se conosco

Calçados

Sindinova realiza 1º Salão de Tendências

Israel Silveira

Publicados

em

Exposição visa trazer novidades em materiais aos fabricantes do Polo Calçadista de Nova Serrana

O Sindinova promoverá nos dias 4 a 6 de fevereiro, das 14h às 20h, o 1º Salão de Tendências em Nova Serrana. Nos três dias de mostra são aguardados cerca de mil visitantes.

Os principais públicos-alvo são: fabricantes, distribuidores, estilistas, designers e modelistas e compradores das fábricas de calçados. O objetivo é trazer as inovações em matérias-primas para os fabricantes de calçados do Polo, principalmente, no que diz respeito à principal estação do ano: o verão.

Para o presidente do Sindinova, Ronaldo Lacerda, além da exposição dos materiais, o intuito também é fornecer aos industriais informações relevantes sobre moda para a produção de calçados mais atraentes.

“Estamos vendo que o Brasil está tomando outro rumo de desenvolvimento e precisamos fomentar as empresas com novidades de materiais para que elas possam implementar e deixar a coleção mais atrativa para o mercado”, enfatizou.

PRODUTOS

Ainda de acordo com Lacerda, existem diversos eventos nacionais feitos pelos fornecedores da cadeia calçadista, porém muitos materiais expostos não condizem com a produção de Nova Serrana.

“O mercado aqui trabalha com alta qualidade e alta escala de produção. Muitas vezes, fazem lançamentos baseados em outros polos, em outros tipos de fábricas que não estão adequados/apropriados para os produtos daqui”.

Lacerda ressalta, ainda, que a principal vantagem do Salão de Tendências é que os lançamentos de produtos serão feitos já pensando no polo e nas indústrias locais.

“O salão de tendências feito aqui no Polo irá trazer novidades de materiais, tecidos, insumos e enfeites que estão focados e adequados para o mercado de Nova Serrana”, ressaltou o presidente do Sindinova.

A EXPOSIÇÃO

A feira acontece, estrategicamente, três semanas após o Inspiramais. Nas prateleiras, serão apresentados diversos componentes que fazem parte da cadeia produtiva do calçado. A finalidade é que o industrial tenha acesso direto às últimas novidades em moda e estilo.

Segundo Lacerda, pretende-se com isso levar informações atualizadas para a criação de peças para a próxima estação.

“As fábricas hoje estão trabalhando para atender as vendas do primeiro semestre de 2020, que é o inverno. O Salão de Tendências já é para apresentar os materiais para o segundo semestre, que é verão, onde temos uma produção muito maior”, informou Lacerda.

Ronaldo acredita que a feira irá aproximar fabricantes e fornecedores e aumentar os negócios gerados com a indústria calçadista.

“A gente espera que, com isso, as fábricas possam captar novos fornecedores, novos materiais, incrementar suas coleções e os fornecedores também possam identificar e conhecer novos clientes e possam aumentar suas vendas no mercado local”.

O evento será realizado no Salão Nobre do Sindinova e contará com 25 estandes de 6 m² cada com a exibição de marcas de fornecedores de todo o Brasil.

Mais informações com Edimar Góis no 37-3228-8500 ou 37-99941-4770.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Mais lidas