Conecte-se conosco

Lazer

Secretário faz apelo para que população não viaje no feriado de 21 de abril

Israel Silveira

Publicados

em

Titular da pasta estadual de saúde, Carlos Eduardo Amaral pediu que os moradores aproveitem a data, mas com juízo: “Não é para ir para rua”
Na próxima terça-feira será comemorado mais um feriado de Tiradentes. Em condições normais, o 21 de abril seria mais um prato cheio para o brasileiro colocar o pé na estrada e procurar descanso em uma praia, montanha ou sítio. Mas, com a pandemia de coronavírus cada vez mais forte de Norte a Sul do país, o momento não permite. Preocupado com o comportamento dos mineiros neste período, o secretário de Estado da Saúde, Carlos Eduardo Amaral, faz um apelo: “aproveitem o feriado, mas com muito juízo”.

Para ele, é fundamental que a população continue fazendo a sua parte dentro e fora de Belo Horizonte, principalmente com relação ao distanciamento social. “Eu gostaria de reafirmar que é fundamental a participação da sociedade conforme ela vem mantendo, ou seja, a sociedade tem que seguir as orientações dos profissionais de saúde, as nossas orientações técnicas. Estamos fazendo o que há de melhor dentro da literatura para trazermos algum grau de segurança para a sociedade”, disse Carlos Eduardo Amaral. Até a tarde desta sexta-feira (17), Minas Gerais tinha 1021 casos confirmados da doença, 98 óbitos em investigação, 233 óbitos descartados e 35 mortes confirmadas.

“É fundamental manter este distanciamento. Está chegando mais um feriado e temos que lembrar que não é momento de ficar indo para rua, de fazer aglomerações. É importante manter o cuidado lavando bem as mãos, o distanciamento, assim como o uso de máscara. É isso que vai trazer o benefício para a sociedade”, completou o secretário.

Interior de Minas Gerais

Carlos Eduardo frisou ainda que não é porque determinada cidade do interior de Minas Gerais não registrou nenhum caso que os moradores podem relaxar. “Independentemente de você morar em uma cidade grande ou pequena, todas essas orientações devem ser seguidas. Temos que lembrar que estamos num país onde temos a transmissão comunitária. O vírus está circulando por aí. Não é porque na sua cidade não tem nenhum caso confirmado que nós podemos relaxar. Tem pessoas que são assintomáticas. Somente com o cuidado que vamos evitar que tenhamos o pico. Vamos aproveitar o feriado, mas com muito juízo”, disse ele.

Além de Belo Horizonte, Juiz de Fora, na Zona da Mata, e Uberaba e Uberlândia, no Triângulo Mineiro, são os municípios com maior incidência da doença no Estado.

  • Fonte: O Tempo

Mais lidas