Conecte-se conosco

Governo Municipal

São Thomé das Letras libera pontos turísticos, campings e hostels

Avatar

Publicados

em

A republicação total ou parcial deste conteúdo é gratuita desde que citada a fonte com o link para o site do portal "opopularns.com.br" | A não citação da fonte com o link para o site implicará em medidas judiciais de acordo com a lei de direitos autorais 9610/98.

A Prefeitura de São Thomé das Letras, cidade do Sul de Minas Gerais, publicou um decreto, nesta sexta-feira, 27 de novembro, autorizando pontos turísticos, campings, hostels e casas de temporada a receberem turistas.

Antes do documento, apenas hoteis e pousadas estavam hospedando visitantes.

Pelo decreto, também ficou autorizada a entrada de trausentes para irem aos pontos turísticos, porém eles devem ser monitorados por um software.

No caso dos estabelecimentos de hospedagem, eles podem ter ocupação máxima de 30%, devem seguir os protocolos sanitários e só devem fornecer quartos para casais ou pessoas da mesma família, sendo no máximo cinco membros por quarto.

Quem quiser ficar na cidade deve fazer a reserva da hospedagem com antecedência.

A cidade tem uma Central de Gerenciamento e Fiscalização da Covid-19 que funciona 24 horas e vai monitorar os turistas que não estão hospedados na cidade, mas apenas fazendo a visitação, por meio de um software.

Nos pontos turísticos privados, o proprietário do atrativo ficará responsável pelo cumprimento das normas de combate à pandemia.

Os bares e restaurantes também vão poder funcionar com 50% da capacidade, até as 22h e seguindo os protocolos de segurança.

“Fica determinado o percentual de 50% da capacidade de ocupação das mesas que estiverem dispostas, respeitando-se o distanciamento de 1,5 metro umas das outras, conforme vistoria da fiscalização”, informa o decreto.

A cidade ficou quase oito meses fechada, desde o dia 17 de março, para turistas e nem sem nenhum registro da doença. Após decisão judicial de reabertura do município, no dia 15 de outubro, dois casos já foram confirmados, um no dia 5 e o outro no dia 13 de novembro.

Fonte: Por NATÁLIA OLIVEIRA –  O TEMPO

Leia mais...
Propaganda

Mais lidas