Conecte-se conosco

Nova Serrana

PCMG emite nota sobre agressão física registrada no último domingo, e afirma que o caso é investigado como tentativa de homicídio

Publicados

em

A Polícia Civil (PCMG) em Nova Serrana, por meio de nota encaminhada a imprensa na noite da última quinta-feira (18/11) informou que segue investigando o caso de agressão física, registrada na madrugada do último domingo (14), no bairro Jardins do Lago.


De acordo com a nota, até o momento o caso segue sendo investigado como homicídio tentado, e ressaltou que a perícia técnica esteve no local do crime e realizou os trabalhos de investigação.

“Sobre o caso do homem de 21 anos, vítima de agressão no último dia 14 de novembro, no bairro Jardim do Lago, na cidade de Nova Serrana, região Centro-Oeste do estado, a Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) instaurou inquérito para apurar o crime de homicídio tentado. A Perícia Técnica compareceu ao local e a investigação segue em andamento na Delegacia de Polícia Civil local. Mais informações serão repassadas após a conclusão do inquérito”.

Ainda na nota encaminha a PCMG, não confirmou o estado de saúde em que a vítima se encontra. E reiterou que até o momento em que a comunicação foi feita com a imprensa, os agentes da lei não receberam informações sobre qualquer alteração no quadro de saúde da vítima.

“A PCMG esclarece que informações sobre estado de saúde de vítimas devem ser demandadas na unidade de saúde. Até o momento, a autoridade policial não recebeu informações oficiais sobre qualquer alteração no quadro de saúde da vítima”.

Cabe ressaltar que a equipe deste Popular, segue buscando informações com os órgãos responsáveis sobre a condição de saúde da vítima.

Relembre o caso

A Central de Regulação do SAMU Oeste recebeu um chamado às 1h52, desse domingo, 14 de novembro, para atendimento a uma vítima de agressão física, na Rua Tatiane, no centro, em Nova Serrana.

Ao chegar ao local, a equipe da Unidade de Suporte Básico (USB) encontrou uma vítima, um homem, de 20 anos, inconsciente, respirando com dificuldade, com suspeita de traumatismo cranioencefálico (TCE), e um corte contuso na cabeça.

Após receber os primeiros atendimentos, e ser imobilizada a vítima foi encaminhada para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) em Nova Serrana.

Mais lidas