Conecte-se conosco

Minas

Oito casos de varíola dos macacos são confirmados em Minas Gerais

Publicados

em

Foram confirmados oito casos de varíola dos macacos em Minas Gerais nesta quarta-feira (6/7). São cinco novos casos registrados ontem. Seguem em investigação 12 suspeitas. A Secretaria de Estado de Saúde (SES) informou que seis pessoas infectadas são de Belo Horizonte, e duas do município de Sete Lagoas. As informações são do jornal Estado de Minas.
A faixa de idade das pessoas infectadas é entre 23 e 46 anos. Um caso tem como local provável de contaminação outro país, no exterior. Os demais contaminaram-se, provavelmente, em São Paulo.
A SES informou que a fonte provável de contaminação dos oito casos foi por contato íntimo. Todos estão em isolamento domiciliar, e apresentam quadro estável.
Dos casos em investigação, seis são moradores de Belo Horizonte, e os demais de Almenara, Sabará, Governador Valadares e Galway, na Irlanda.

Sintomas

O orthopoxvirus simia, nome científico da doença, pode ser transmitido pelo contato íntimo ou próximo entre pessoas. Pequenos machucados na pele, incluindo as genitais, são os primeiros sintomas, que podem ser acompanhados de febre e inchaço no pescoço.
Pessoas que apresentarem algum desses sintomas devem procurar imediatamente a unidade de saúde mais próxima e evitar contato com outras pessoas.

Brasil

Ainda hoje, o Ministério da Saúde divulgou que 106 casos da doença foram confirmados no Brasil. São Paulo é o estado com maior parte dos casos, 75.
Nessa contagem, Minas Gerais ainda registrava apenas três quadros de contaminação do vírus confirmados.

Mais lidas