Conecte-se conosco

Pandemia

Número de casos confirmados da variante delta em Minas Gerais quase triplica em uma semana

Publicados

em

O número de casos confirmados da variante delta em Minas Gerais quase triplicou em uma semana: no dia 4 de agosto, eram quatro registros e, agora, já são pelo menos 11.

Sete novos casos foram confirmados pelo Observatório de Vigilância Genômica de Minas Gerais, em comunicado publicado nesta terça-feira (10). As infecções foram registradas em quatro regionais de saúde: Belo Horizonte (1), Montes Claros (1), Unaí (2) e Manhuaçu (3). As amostras foram analisadas entre os dias 18 e 24 de julho.


Segundo a Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG), no total, oito municípios já têm casos confirmados da delta, considerada mais transmissível.

A pasta ainda investiga o histórico das pessoas infectadas e os contatos de cada uma e, por enquanto, não confirma a transmissão comunitária da variante no estado. Veja as informações sobre os pacientes:

Casos confirmados da variante delta em MG

Caso Município de residência Idade Sexo Origem do caso
1 Juiz de Fora 33 M Importado
2 Belo Horizonte 14 M Importado
3 Belo Horizonte 12 M Importado
4 Virginópolis 50 M Em investigação
5 Itabirito 59 F Em investigação
6 Montes Claros 30 M Em investigação
7 Unaí 40 F Em investigação
8 Unaí 24 F Em investigação
9 Carangola 38 F Em investigação
10 Divino 49 M Em investigação
11 Divino 59 M Em investigação

Em Montes Claros, o paciente, um homem de 30 anos, testou positivo para Covid-19 no dia 20 de julho, e familiares dele também se contaminaram. Nenhum deles tinha viajado para fora recentemente.

  • Primeiro caso da variante delta do coronavírus é confirmado em Montes Claros

Conforme o comunicado do Observatório de Vigilância Genômica de Minas Gerais, outros oito casos suspeitos da variante delta estão sendo investigados, nas regionais de Teófilo Otoni (1), Uberaba (1), Belo Horizonte (3), Montes Claros (2) e Manhuaçu (1).

A iniciativa é realizada por membros da Fundação Ezequiel Dias (Funed), da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e da SES-MG.

  • Zema se diz ‘otimista’ com delta, confirma vacinação até setembro em MG e acha ‘improvável’ novo fechamento de cidades
  • Variante gama do coronavírus é a mais predominante em BH em 2021 até agora, diz pesquisa

Em nota, a Secretaria de Estado de Saúde informou que “tem ampliado as ações de vigilância genômica do coronavírus e realizado um monitoramento rigoroso dos casos suspeitos da variante, a fim de coibir a disseminação da mesma no estado”.

Segundo a pasta, o Observatório tem realizado o monitoramento semanal das variantes circulantes em Minas, com a análise de 180 amostras por semana.

 

Fonte: G1 Centro-Oeste

Foto: Getty Imagens via BBC

Clique aqui e faça parte de nosso grupo de whatsapp

Clique aqui e siga-nos no instagram

Clique aqui e siga-nos no facebook

JORNAL O POPULAR – A NOTÍCIA COM DEVE SER

Mais lidas