Conecte-se conosco

Policial

Homem é preso suspeito de matar a mulher a facadas

Avatar

Publicados

em

A versão de um crime bárbaro, narrada por um homem, de 44 anos, não convenceu a polícia e o fez passar de vítima a principal suspeito de um homicídio. A vítima do crime é a mulher dele, de 37 anos, que levou nove facadas pelo corpo, no bairro Jaqueline, na região Norte de Belo Horizonte.

O marido conta que nesta manhã (16), ao levar a esposa para o trabalho, dois homens os abordaram no bairro Jaqueline e pediram o celular da mulher. Com a negativa, os bandidos a teriam golpeado com uma facada. Ele a levou ao hospital Risoleta Neves, mas chegou já sem vida.

Na unidade de saúde, a Polícia Militar, ao ouvir a versão do suposto latrocínio – crime que envolve roubo e morte – e checar o laudo médico, constatou incoerências.

LEIA MAIS NOTÍCIAS POLICIAIS AQUI NO JORNAL O POPULAR

“Ele alegou que a mulher tinha levado apenas uma facada, mas a verdade é que foram nove, sendo uma delas no joelho, o indica que o ataque partiu de dentro do veículo, e não de fora, como ele afirma”, detalhou o Tenente Coronel Assunção, comandante do 13° Batalhão da PM.

“Conversando com parentes, fomos informados de que o relacionamento deles era conturbado e que ela já tentava terminar”, acrescentou. A polícia tentou encontrar indícios no celular do homem, mas ainda pela manhã,  o suspeito apagou todo histórico, inclusive do trajeto feito até o hospital.

Familiares da vítima, que compareceram ao Risoleta Neves disseram que a mulher sofria há 20 anos com o homem.

“Ela que sustentava a família, pois ele não queria trabalhar. Ela já a agrediu e quando ela tentou terminar, ele fez isso”, contou a irmã da vítima, Márcia da Penha.

O filho do casal, de 11 anos, disse aos familiares que na noite anterior os pais teriam tido uma grande discussão depois que o pai descobriu que a mãe estaria em um site de relacionamentos.

A perícia da Polícia Civil também foi acionada. O suspeito foi preso e o caso foi encaminhado a Delegacia de Homicídios.

Fonte: Por Raquel Penaforte –  O Tempo

Foto: Imagem Ilustrativa Web

 

Mais lidas