Conecte-se conosco

Esportes

Galo canta no terreiro do fortaleza e fica 12 jogos sem perder no Brasileirão

Avatar

Publicados

em

A republicação total ou parcial deste conteúdo é gratuita desde que citada a fonte com o link para o site do portal "opopularns.com.br" | A não citação da fonte com o link para o site implicará em medidas judiciais de acordo com a lei de direitos autorais 9610/98.
O Atlético bateu o Fortaleza na tarde de domingo (12), na Arena Castelão. Após 14 dias sem entrar em campo, o time comandado por Cuca não fez um bom primeiro tempo, apesar de ter mais posse de bola. Na etapa complementar, o Atlético voltou muito melhor e conseguiu conquistar a vitória, que amplia a vantagem na liderança do Brasileirão. Os gringos Matias Zaracho e Junior Alonso marcaram no triunfo atleticano.

Com a vitória, o Galo já acumula 12 jogos sem perder na competição, além de ter aumentado a vantagem na ponta da tabela. O Atlético chegou aos 42 pontos, sete a mais do que o Palmeiras, vice, que perdeu para o Flamengo. Na próxima rodada, o Atlético encara o Sport, no sábado (18), mas, antes, tem o Fluminense pelo jogo de volta das quartas de final da Copa do Brasil, no Mineirão.


No início da partida, as duas equipes ainda jogavam mais no contra-ataque, sem conseguir criar muitas oportunidades. Com isso, a primeira grande chance do jogo foi de bola parada, com o Fortaleza. Aos 15 minutos, Lucas Crispim, em cobrança de falta, mandou a bola direto para o gol e Everson fez grande defesa. No lance seguinte, foi a vez do Galo atacar.

Com Eduardo Vargas chegando em velocidade pelo lado, o atacante finalizou de perna esquerda, mas a bola desviou na zaga e saiu. Aos 33 minutos do primeiro tempo, Mariano ao tentar parar o contra-ataque tricolor fez falta em cima de Lucas Crispim. O lateral recebeu o terceiro cartão amarelo e não joga contra o Sport, no próximo fim de semana.

O Galo terminou o primeiro tempo com mais posse de bola, mas apesar disso, teve menos chances de gol do que o Fortaleza, que conseguiu se impor mais. Nenhuma das duas equipes conseguiram abrir o placar, só que o Tricolor ficou mais próximo. O Galo trocou muitos passes e a defesa do Fortaleza conseguiu segurar bem o ataque atleticano, que pouco criou.

No segundo tempo, o Galo conseguiu abrir o placar logo aos quatro minutos. Em uma troca de passes, em que a bola passou por Hulk, Nacho, Vargas e por último em Zaracho, que finalizou para o gol. Felipe Alves até foi na direção da bola, mas não conseguiu defender o chute do argentino. No segundo tempo, o volante Jair, que retornou de lesão, recebeu cartão amarelo e também fica suspenso para o próximo jogo.

O atacante Diego Costa entrou em campo pela segunda vez pelo Galo aos 16 minutos do segundo tempo. Em sua estreia pelo Atlético, o atacante marcou o gol de empate alvinegro contra o Bragantino. Contra o Fortaleza, o jogador substituiu Vargas, que participou do primeiro gol, saiu de campo insatisfeito.

Mas não foi o novo reforço atleticano que ampliou o placar na Arena Castelão. O Galo, que voltou mais ligado no segundo tempo, teve uma nova chance com bola parada. Em cobrança de escanteio de Nacho Fernández, que não estava bem em campo, a bola foi parar na cabeça do zagueiro Junior Alonso, que subiu mais alto que todo mundo e empurrou para fazer o segundo gol atleticano.

Fonte: Por Giovanna Pires – Super.FC

Foto: Pedro Souza/Atlético

Leia mais...
Propaganda

Mais lidas