Conecte-se conosco

Personalidades

Coronel Wemerson Lino Pimenta se despede do comando do 60º BPM

Avatar

Publicados

em

Em nota Coronel Wemerson Lino Pimenta recentemente promovido a comandante da 7ª Região da Polícia Militar enaltece tropa do 60º BPM, divulga resultados e agradece toda a sociedade pelo trabalho desenvolvido em Nova Serrana e cidades vizinhas

Em uma carta encaminhada pelo setor de comunicação organizacional do 60º Batalhão da Polícia Militar (BPM), o Coronel Wemerson Lino Pimenta, oficialmente comunicou sua saída do comando da unidade, para agora assumir um novo desafio, que e estar a frente da 7ª Região de Polícia Militar (RPM) e assim comandar os militares nas mais de 50 cidades do Centro-Oeste Mineiras abrangidas.

Na carta no entanto, o comandante considera que apesar de estar deixando o comando do 60º BPM, o momento não deve ser considerado como despedida, afinal ele permanecerá atuando na cidade como comandante da 7ª RPM.

“Nesse momento, apesar de soar como despedida, não deve ser assim entendida, pois estou triplamente agradecido a Deus. Primeiro, por ter me concedido a honra de comandar o 60º BPM e ajudar a escrever uma nova página na história dessa operosa unidade da Polícia Militar de Minas Gerais. Segundo, por ter me contemplado com a promoção ao último posto da carreira: Coronel PM. Por fim, pela graça de ainda estar, mais do que nunca, presente não mais em 06 (seis) seis municípios, mas sim, em 50 cidades e 40 distritos que compõem a 7ª Região da Polícia Militar, sediada em Divinópolis/MG, onde exercerei o Comando Regional”.

Coronel Wemerson ainda, cordialmente, encerrou sua mensagem enaltecendo a sociedade de Nova Serrana, manifestando o símbolo máster de respeito das autoridades militares, batendo continência para a população dos municípios integrantes na área do 60º BPM.

“Presto a minha respeitosa continência a esta população, que tem como marca registrada a palavra TRABALHO. Fica a minha admiração a todos os trabalhadores que impulsionam os 06 (seis) municípios que compõem a área do 60º BPM”.

Resultados

Na carta encaminhada pela PMMG, foi ainda salientado os principais resultados obtidos pelo comandante e sua tropa, na promoção da segurança na área do 60º BPM.

Conforme apresentado, desde 2017, quando assumido o comando do 60º BPM, pelo então Tenente Coronel e agora coronal Wemerson Lino Pimenta, Nova Serrana e área do 60º BPM, amargavam dados que a colocavam como o 1° colocado em número de roubos no Estado de Minas Gerais.

Após todo o trabalho de segurança desenvolvido a cidade contabilizou a redução de 71% nos  Crimes violentos, 72% nos roubos,  25% no número de furtos e 60 % quanto ao número deo homicídios.

Confira a nota na integra

 

SÉTIMA REGIÃO DA POLÍCIA MILITAR SEXAGÉSIMO BATALHÃO

NOTA DE AGRADECIMENTO

Prezados.

Ninguém disse que seria fácil. Na verdade, comandar não é tarefa fácil, mas desafios são propostos para serem vencidos. Ainda me lembro do dia 16 de fevereiro de 2017, quando assumi o comando do 60º BPM, carinhosamente chamado de “Guardião do Cercado”, codinome este dado em memória da vila que originou o município de Nova Serrana/MG, que é o que mais cresce populacional e economicamente no Estado de Minas Gerais.

Naquele início de 2017, passávamos por problemas graves na segurança pública, sendo que Nova Serrana/MG figurava como o município que mais registrava roubos dentre as 20 (vinte) cidades monitoradas pelo Centro de Integrado de Informações de Defesa Social (CINDS) da Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG).

Esse tipo de delito afligia sobremaneira a população nova-serranense e, também, ramificava-se para as demais cidades que compõem o 60º BPM (Pitangui, Conceição do Pará, Leandro Ferreira, Perdigão e Araújos). A partir desse cenário e frente ao um dos maiores desafios da minha carreira profissional, a resposta imediata não seria diferente do que foi proposto: muito trabalho!

Diante de uma visão mais aperfeiçoada da situação, de forma urgente, a necessidade primária era organizar e lançar o policiamento de forma setorizada. Tal medida buscou a ocupação de todos os espaços, através de ações de presença e visibilidade. Assim, a setorização geográfica foi preponderante, sendo então criada uma malha protetora para mitigar as ações delituosas em Nova Serrana/MG e toda a área.

Estratégias diárias foram montadas para garantir a segurança nas cidades e no campo, até mesmo com inovações de processos de policiamento. Os investimentos, em recursos humanos e logísticos, sem dúvidas, agregaram qualidade e propiciaram melhores condições de atendimento às comunidades.

Iniciou-se, então, o declínio da criminalidade na área do 60º BPM. Já em outubro de 2017 não mais figurávamos como 1º colocado no número de roubos no Estado de Minas Gerais. Este momento foi satisfatório! Claro que segurança pública não se faz sozinho e o envolvimento de autoridades e pessoas da comunidade contribuiu substancialmente para que chegássemos em 2020 ao seguinte cenário, comparando-se o 1º semestre de 2017 até o ano de 2020, em toda área do 60º BPM:

Crimes violentos: redução de 71%; Roubos: redução de 72%; Furtos: redução de 25%; Homicídios: redução de 60%.

Esses resultados extremamente positivos demonstram o atual cenário de segurança pública nas cidades de Nova Serrana, Pitangui, Conceição do Pará, Leandro Ferreira, Perdigão e Araújos, e, com certeza, fortalecem a sensação de segurança subjetiva em cada cidadão e cidadã de bem nesses municípios. Para tanto, rendo meus agradecimentos às autoridades dos Poderes Executivo e Legislativo municipal, estadual e federal, além do Poder Judiciário, Ministério Público e Polícia Civil de Minas Gerais, que, atentos, contribuíram para o fortalecimento da segurança pública em Nova Serrana/MG e região. Agradeço a todos os prefeitos e vereadores municipais dos 06 (seis) municípios que compõem a área do 60º BPM, ao Deputado Estadual Fábio Avelar e demais deputados estaduais e federais, que tanto contribuíram com a destinação de recursos para o bom cumprimento de nossa missão.

À sociedade civil organizada, através dos meios empresarial e rural, Sindicato Intermunicipal das Indústrias de Calçado de Nova Serrana/MG (SINDINOVA), Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), membros de redes de proteção preventiva e conselhos comunitários (CONSEP), o meu agradecimento e reconhecimento, pelo exercício de cidadania demonstrado na proposição de medidas para resoluções de problemas de segurança pública.

Aos meios de comunicação escrita, falada e televisada, meu profundo respeito e gratidão na atuação profissional e legitimidade na apresentação das informações para a comunidade.

À minha tropa, deixo aqui o agradecimento especial, pois sem estes valorosos policiais militares não teríamos resultados tão expressivos como obtivemos nos últimos anos. Uma tropa aguerrida, que não mede esforços para o cumprimento da missão policial-militar.

Nesse momento, apesar de soar como despedida, não deve ser assim entendida, pois estou triplamente agradecido a Deus. Primeiro, por ter me concedido a honra de comandar o 60º BPM e ajudar a escrever uma nova página na história dessa operosa unidade da Polícia Militar de Minas Gerais. Segundo, por ter me contemplado com a promoção ao último posto da carreira: Coronel PM. Por fim, pela graça de ainda estar, mais do que nunca, presente não mais em 06 (seis) seis municípios, mas sim, em 50 cidades e 40 distritos que compõem a 7ª Região da Polícia Militar, sediada em Divinópolis/MG, onde exercerei o Comando Regional.

Esta missão se torna ainda mais difícil pelo excelente trabalho desempenhado pelo Cel PM Webster no Comando da 7ª RPM, oficial de competência ímpar, que agora cumprirá um novo desafio como comandante da 1ª RPM, na capital mineira. O meu desejo é de sucesso em sua nova missão e de agradecimento pelos ensinamentos repassados durante este período. Então, a todos os nossos amigos, estarei mais uma vez cumprindo meu destino e sendo desafiado a prestar, juntamente de homens e mulheres policiais militares e servidores civis, um trabalho de excelência para todo o Centro-Oeste mineiro.

Assim como iniciei no comando do 60º BPM, alinhado aos ensinamento do professor Mário Sérgio Cortella, recomeçarei, agora, no comando da 7ª Região da Polícia Militar, seguindo a mesma perspectiva de fazer o meu melhor na condição que tenho e, havendo condições melhores, farei ainda melhor para a comunidade que sirvo.

Conto com a amizade e o apoio que me foram ofertados durante todo este período que estive à frente do 60º BPM.

Presto a minha respeitosa continência a esta população, que tem como marca registrada a palavra TRABALHO. Fica a minha admiração a todos os trabalhadores que impulsionam os 06 (seis) municípios que compõem a área do 60º BPM.

Coloco-me à inteira disposição. Obrigado a todos!

Somos todos 7ª RPM!

Quartel em Nova Serrana/MG, 14 de agosto de 2020.

(a) WEMERSON LINO PIMENTA, CEL PM Comandante da 7ª RP

Mais lidas