Conecte-se conosco

Concursos

Concurso IBGE: Devolução da taxa de inscrição acontecerá no final de outubro

Avatar

Publicados

em

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE – irá abrir um novo prazo para a devolução das taxas de inscrição do concurso IBGE destinado para o Censo Demográfico.

O candidato que se inscreveu no concurso IBGE 2020, mas ainda não recebeu a devolução da taxa de inscrição, fique atento. Pois, o Banco do Brasil (BB) irá abrir um novo prazo para o resgate da quantia paga.

Durante os dias 26 a 30 de outubro de 2020, será possível sacar o valor em qualquer uma das agências do Banco do Brasil por todo o país. A exceção fica apenas para as agências Estilo do Banco do Brasil.

LEIA MAIS NOTÍCIAS SOBRE CONCURSOS AQUI NO JORNAL O POPULAR

O ressarcimento será realizado de acordo com o nome e o CPF do candidato. Isso quer dizer que, apenas os candidatos inscritos poderão ir resgatar o valor. Por isso, não se esqueça de levar o documento de identidade original ou o CPF.

Além disso, também vale ressaltar outros pontos importantes:

– O valor da taxa de inscrição será devolvido apenas por meio de saque. Sendo assim, não será possível receber a quantia de outra maneira;

– Caso não seja sacado durante o período citado, o valor retornará ao IBGE. Depois do prazo, o dinheiro ficará indisponível para saque até que os valores sejam processados novamente.

A suspensão do concurso IBGE aconteceu no mês de março de 2020, em virtude da pandemia de Covid-19. Já a restituição da taxa de inscrição começou no dia 12 de maio.

Desde então, dentre os 100.735 participantes que pagaram a taxa de inscrição, cerca de 60.000 candidatos já resgataram os valores pagos, segundo informações do IBGE.

Quando as inscrições estavam abertas, a participação foi confirmada pelo valor de R$ 35,80 para o cargo de Agente Censitário (nível médio) e de R$ 23,61 para a carreira de Recenseador (nível fundamental). Foi possível se inscrever para ambas as funções.

Concurso IBGE para o Censo Demográfico está previsto

Todas as seleções fazem parte do Censo Demográfico, que será realizado no ano que vem. De acordo com o IBGE, apesar do cancelamento do certame, o quantitativo de vagas não deverá mudar, permanecendo o mesmo em 2021.

“O que mudou foi a data de realização do Censo. O quantitativo de vagas deve permanecer o mesmo. Todos os processos seletivos previstos para a operação serão realizados no ano do Censo Demográfico”, informou o órgão.

Com o Censo Demográfico, os processos serão abertos novamente no ano que vem. Sendo assim, serão ofertadas 208.695 vagas temporárias, com a seguinte distribuição:

Nível Fundamental

Recenseador: 180.557 vagas.

Nível Médio

Agente Censitário Municipal: 5.462 vagas;

Agente Censitário Supervisor: 22.676 vagas.

Mais lidas