Conecte-se conosco

Curiosidade

Assassino de John Lennon tem liberdade negada pela 11ª vez

Avatar

Publicados

em

Mark David Chapman, o homem que tirou a vida de John Lennon em 1980, teve seu pedido de liberdade condicional negada pela décima primeira vez, segundo o jornal New York Daily News.

Chapman está cumprindo uma sentença de prisão perpétua na prisão de segurança máxima Wende Correctional Facility, no Condado de Erie, Nova York. A primeira vez que Mark pediu uma revisão da sua sentença foi em 2000, exatos 20 anos após o crime, e agora só poderá pedir novamente na audiência de liberdade condicional marcada para agosto de 2022.

Sua sentença foi de 20 anos até prisão perpétua, dependendo de decisões futuras. Em 2019, Champan disse que gostaria de ser solto porque “encontrou Jesus” e sentia “cada vez mais vergonha de suas ações”. Na época, a viúva de John Lennon, Yoko Ono, disse que temia pela segurança da família caso ele fosse solto.

Mark David Chapman, 65, o homem responsável por tirar a vida de John Lennon em 1980, teve sua liberdade condicional negada pela 11ª vez, segundo informações das autoridades penitenciárias estaduais

Fonte: BOL

Leia mais...

Mais lidas