Conecte-se conosco

Religião

A fé vence por unanimidade e Terço dos Homens ganha data oficial em Nova Serrana

Avatar

Publicados

em

A republicação total ou parcial deste conteúdo é gratuita desde que citada a fonte com o link para o site do portal "opopularns.com.br" | A não citação da fonte com o link para o site implicará em medidas judiciais de acordo com a lei de direitos autorais 9610/98.

Em Nova Serrana, foi aprovado na última terça-feira, dia 001 de junho, o projeto de lei 069/2021. A pauta no entanto é um projeto singelo, mas que tem absoluta relevância no que tange ao impacto social e cultural da cidade, já que com a votação do plenário, o Terço do Homens, celebração já tradicional da cidade, ganhou uma data oficial no município.


O projeto que foi aprovado por unanimidade no legislativo municipal, institui o dia 08 de setembro, como data oficial para celebração do Terço dos Homens em Nova Serrana. A matéria foi não só aprovada, mas exaltada por praticamente todo o legislativo, independente do credo.

Durante a deliberação em plenário, o projeto que teve como autor o vereador Admilson Cheiroso (PV), foi enaltecido principalmente pelos edis, Adilson Pacheco (PSL) e Willian Barcelos (PTB). Ambos os vereadores ressaltaram a importância da aprovação da matéria.

Conforme manifestou Barcelos, “esse é um evento de fé que acontece em Nova Serrana desde 2008. Eventos de fé como esse devem ser mantidos porque estão como ação que faz parte da cultura e da história da cidade. Que esse dia fique marcado na história de Nova Serrana, esse grupo merece nossa atenção e apoio”. Considerou o edil, que fez questão de ressaltar que já participou da celebração.

Por sua vez, o líder do governo, Adilson Pacheco, que ressaltou que independente da religião, essa é uma ação que merece ter o voto positivo de todos os cristãos.

“A fé muda a vida das pessoas, eu sou prova fiel de que a fé muda a vida das pessoas e que Jesus Cristo salva a vida. Como todos me conhecem venho de uma família católica, pais, avós tios, ministros da palavra, eu nasci no berço Católico, hoje com muito orgulho sou Cristão Evangélico, ovelha de cristo, … falei mais cedo sobre o estado laico, é um perigo, muitos querem e dizem que o estado é laico, não se pode misturar a religião”.

Seguindo o vereador continuou seu raciocínio ressaltando que é um orgulho para ele como Evangélico aprovar tal matéria.

“ O encardido, sorrateiramente destroem as famílias, é um perigo essa tal laicidade, aonde o terço não pode a bíblia também não pode, pode a missa, pode o culto, temos que manifestar a nossa fé, católico, evangélico, juntos em um só proposito… desde já quero manifestar meu voto que é favorável e é isso que precisamos manifestar a nossa fé”.

Após outras considerações dos vereadores presentes a pauta foi deliberada para votação e foi aprovada por unanimidade. Agora o projeto segue para sanção do Prefeito.

Mais lidas