Conecte-se conosco

Atualidade

VÍDEO: Padre de Visconde do Rio Branco pede desculpas por desejar a morte de fiéis

Israel Silveira

Publicados

em

“Rezem por mim. Eu sou fraco também, sou pecador, tenho minhas misérias e preciso da misericórdia de todos vocês”.

Foi assim que o padre Antônio Firmino Lopes Lana pediu desculpas após desejar a morte de fiéis que não estão indo às missas por causa da pandemia do novo coronavírus

A declaração polêmica foi dada no fim de semana, na Paróquia de São João Batista, em Visconde do Rio Branco, na região da Zona da Mata mineira. Durante a celebração, que era transmitida nas redes sociais, o padre declarou: “tomara que não apareça vacina para essas pessoas, né? Ou que morram antes da vacina chegar, não é?”

VÍDEO: Padre deseja a morte de fiéis que não vão à missa por causa da pandemia

O religioso ainda prosseguiu criticando a ausência dos fiéis no templo católico. “Não estão em grupo de risco, mas significa que não têm fé nenhuma essas pessoas”, discursou no altar.

O caso repercutiu negativamente e, nesta terça-feira (25), o pároco voltou a se pronunciar. Nas redes socais da igreja, ele classificou o comentário como infeliz e garantiu que “luta pela vida plena”.

“Tenho certeza que vocês que têm o coração bom hão de reconhecer meu erro e me perdoar por isso”. Atualmente, Minas tem 198.736 infectados e 4.847 mortes pela Covid-19.

A Diocese de Leopoldina, à qual a paróquia está vinculada, foi procurada pela reportagem e informou que não iria se manifestar, o que seria feito diretamente pela Paróquia São João Batista.

Assista ao pedido de desculpas na página da paróquia:

Mais lidas