Conecte-se conosco

Administração

Absolutamente a maior geradora de emprego da região Centro-Oeste

Avatar

Publicados

em

Nova Serrana fecha primeiro quadrimestre com geração de 3 mil novos postos de emprego

Nos últimos meses a economia brasileira vem demonstrando uma desaceleração quanto as perspectivas do varejo, contudo, a geração de empregos formais segue em crescimento.

Conforme apontam os dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) depois de quatro anos com a formação de postos de trabalhos formais em queda, o país teve resultados positivos.

Os dados do IBGE, apontam que foram gerados 480 mil postos de trabalho formais no período de janeiro a abril de 2019, totalizando 33,1 milhões de trabalhadores nessa situação.

Nova Serrana sendo a cidade que mais cresce em Minas Gerais seguiu e cooperou para esse crescimento de empregos formais, gerando no primeiro quadrimestre de 2019 mais de 3 mil novos postos de emprego.

Segundo o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED) a capital do calçado que tem como principal atividade econômica a indústria de transformação calçadista, contabilizou nos quatro primeiros meses deste ano 7072 contratações enquanto houveram no mesmo período 4051 desligamentos.

Somente no mês de abril foram 1689 contrações formais, 1322 demissões e um saldo positivo de 367 postos de emprego.

Indústria em recuperação

A indústria segue ainda em recuperação ao turbulento ano de 2018. Prova disso que a cidade de Nova Serrana vem aos poucos se estabilizando e equilibrando a situação de mercado quando a produção e contratações.

Os dados do Caged apontam que avaliando os últimos 12 meses o saldo de geração de empregos no município ainda é negativo, com 16.446 contratações, 16.570 desligamentos e um, déficit de – 124 postos de empregos.

Contudo o déficit não é exclusividade de Nova Serrana, que é a maior geradora de empregos do estado nesse setor. Em Minas Gerais foram contabilizados nos últimos 12 meses 18.135 contratações na indústria calçadista, 18.487 demissões e um saldo negativo de           -352 postos de emprego.

A Maior geradora do Centro Oeste

Divinópolis, Nova Serrana, Itaúna e Pará de Minas são as quatro maiores cidades do centro-Oeste Mineiro, e entre elas Nova Serrana é a maior geradora de postos de emprego em 2019.

Com aproximadamente 100 mil habitantes a capital do calçado mineiro gerou nos quatro primeiros meses 2769 postos de emprego a mais do que Divinópolis que é a maior cidade da região e segunda em geração de empregos.

No quadrimestres Nova Serrana contabilizou 3021 novos postos de emprego, Divinópolis gerou 252, Itaúna 207 e Pará de Minas 97.

Se comparado apenas o mês de abril a capital do calçado ainda reina absoluta contra as demais cidades da região, obtendo um saldo positivo de 367 novos postos, Pará de Minas é a segunda com 40 novos postos, Itaúna teve um déficit em abril de – 09 e Divinópolis amargou os negativos 103 postos de emprego fechados a mais do que abertos no mês quatro.

Perspectiva do executivo

O cenário positivo na perspectiva do Secretaria municipal de Industria e Comércio referente ao bom momento da indústria e geração de emprego, faz parte de uma consolidação da força industrial do município na região.

Segundo o secretário da pasta, Marco Aurélio Lacerda, “Nova Serrana vem há muito tempo se posicionando como a maior geradora da região, chegamos a gerar mais empregos que a capital em determinado momento de 2017, no ultimo ano a economia de forma geral oscilou e agora, a indústria de calçados vem gradativamente recuperando seu folego, e a cidade como maior polo do estado, consecutivamente e inevitavelmente se posiciona como a principal empregadora da região”. Considerou Marco Aurélio.

O secretário finaliza, apontando que “temos ainda que ter o pé no chão e praticar uma política de investimentos que incentiva também o desenvolvimento de novos postos de emprego em outros segmentos, isso porque apesar de um momento “positivo”, o varejo vem sofrendo quedas em sua projeção e crescimento e isso, acaba em cadeia atingindo a indústria, que vem de forma solida se recuperando em 2019”. Finalizou Marco Aurélio Lacerda.

Foto: Secretaria de Comunicação/Prefeitura de Nova Serrana

Mais lidas