Conecte-se conosco

Geral

Vereador Osmar Santos (Pros), Presidente da Câmara de Nova Serrana é detido após causar confusão na UPA

Publicados

em

Na noite deste domingo (18) o presidente da Câmara Municipal de Nova Serrana, vereador Osmar Santos (Pros) foi conduzido à delegacia de polícia para prestar esclarecimentos após ter entrado no ambiente interno da Unidade de Pronto Atendimento – UPA, e ter quebrado uma porta da unidade a chutes e socos.

De acordo com as informações apuradas, o vereador tomou essa atitude porque segundo ele um rapaz estava morrendo sem atendimento na unidade. Fato que foi em seguida desmentido pela Secretaria Municipal de Saúde.

Após ampla discussão com o enfermeiro responsável da unidade e com o médico plantonista, que vinha em processo de reanimação do adolescente de 17 anos que deu entrada na unidade com parada cardiorrespiratória, tanto o vereador como o médico foram conduzidos pela Polícia Militar até a delegacia de Nova Serrana para prestarem esclarecimentos.

Em vídeo divulgado pelo vereador em sua rede social, ele afirmou que tomou a atitude após ser chamado pelos pais do rapaz, e ao chegar na unidade teria ouvido de um do enfermeiro responsável pela unidade que só tentariam a transferência do paciente após a troca de plantão.

A secretaria Municipal de saúde, em nota divulgada pela secretária entendeu como arbitraria e indevida a postura do legislador e explicou em detalhes como se da o atendimento e os tramites da transferência de paciente.

Segundo a Secretária Municipal de Saúde, Glaucia Sbampato, a responsabilidade da transferência só pode acontecer após o fato do paciente estar estabilizado, uma vez que colocar o paciente ainda sem uma condição estável de transporte, significaria uma irresponsabilidade médica que poderia resultar na morte do paciente.

A secretária ponderou ainda que o rapaz recebeu os primeiros socorros na UPA e o médico em questão que entrou em discussão com o vereador, foi justamente o que prestou atendimento e por longo tempo realizou a reanimação do paciente.

Para mais informações sobre o fato, confira a edição impressa do jornal O Popular desta terça-feira, dia 20 de março.

Veja o vídeo onde o vereador conta sua versão dos fatos:

Abaixo ouça o áudio da secretária Gláucia Sbampato em nota oficial da prefeitura

 

Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Copyright © 2018 Ineo Sistemas