Conecte-se conosco

Cidadania

Prazo para tirar título de eleitor e transferir domicílio termina em 9 de maio

Publicados

em

Em Nova Serrana alterações devem ser agendadas pela internet ou telefone junto ao Cartório Eleitoral

No dia 09 de maio se encerra o prazo para inscrições e alterações de dados cadastrais no titulo de eleitor para as eleições de 2018. Quem perder esse prazo só poderá fazer a alteração após as eleições, para os próximos pleitos.

A data também marcará o fim do prazo para a inclusão e a atualização da identidade de gênero no cadastro eleitoral que também devem ser feitas até o dia 9 de maio para valer nas eleições de outubro. Travestis e transexuais podem incluir o nome social no título de eleitor e no caderno de votação das eleições desde o dia 3 de abril.

E ainda para que os presos provisórios e os adolescentes internados que não tiverem inscrição eleitoral regular sejam alistados ou requeiram a regularização de sua situação para votar nas eleições de 2018. Os prazos constam da Resolução 23.555/2017 do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). 

Situação de Nova Serrana

Para Nova Serrana a participação e adesão popular quanto a alteração dos dados é um fator de fundamental importância tendo em vista que atualmente a cidade obtém o pior índice de eleitores por população entre as 20 cidades do estado com perfil populacional de 70 mil à 100 mil habitantes.

Segundo matéria publicada neste Popular dos mais de 94 mil cidadãos que hoje vivem em Nova Serrana apenas 51.050 são eleitores do município, em percentual a cidade ocupa a pior colocação entre as 20 cidades listadas, tendo uma média de 53,9% de eleitores no município.

De acordo com a matéria, nas últimas eleições apenas 43.520, ou seja, menos da metade dos 94.681 habitantes compareceram às urnas para votar. Sendo que destes, um representativo percentual votou em branco ou anulou o seu voto. 

Participação dos jovens

Outro fator preocupante é quanto a participação dos jovens que aguardam até  o último instante para emitirem o documento ou buscam não participar dos pleitos eleitorais enquanto não existe a obrigatoriedade.

Segundo abordou o professor Willian Barcelos (PTB) e aponta o estudo da Unicef o desinteresse principalmente da juventude quanto a política é algo que deve ser trabalhado. “Para que tenhamos uma noção do baixo interesse da juventude em questões políticas devemos analisar a evolução do eleitorado de Minas Gerais. Entre 2010 e 2014, o percentual de eleitores entre 16 e 17 anos caiu de 1,7% para 0,91%. No pleito de 2016, o número total de jovens eleitores de Nova Serrana, na mesma faixa etária, correspondia a 665 pessoas”.  Finaliza o professor Barcelos.

Ajustamento e emissão de documentos

Em Nova Serrana de acordo com a Chefe da 298ª Zona Eleitoral, Daniela Lacerda Naves Brandão os atendimentos para emissão dos documentos ou atualização cadastral acontecem por agendamento.

Segundo Daniele a população que necessita de atualizar seus dados, realizar a transferência do titulo eleitoral ou a emissão do documento podem fazer o agendamento pela internet ou por telefone. “Para ser atendido no Cartório Eleitoral em nossa cidade é necessário que haja um agendamento segundo uma medida adotada a partir de fevereiro deste ano. Assim os interessados podem realizar o agendamento pelo site do TSE (www.tre-mg.jus.br) ou pelo disque eleitor através do telefone 148”. Finaliza a chefe da 298ª Zona Eleitoral, Daniela Lacerda Naves Brandão.

Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Copyright © 2018 Ineo Sistemas