Conecte-se conosco

Editorial

Parece piada, mas é a política de Nova Serrana!

Publicados

em

Na noite de sábado, dia 24 de março, um áudio encaminhado à nossa equipe de jornalismo apontava que Osmar Santos (Pros), vereador e presidente da Câmara Municipal de Nova Serrana será candidato a uma vaga de deputado federal ainda em 2018.

Inicialmente nossa equipe repassou e discutiu a informação com nossos colaboradores, e aparentemente aquilo seria um blefe, afinal, até mesmo o tom da voz e a fala mansa do vereador em questão, que afirmava o fato nos fez entender inicialmente que ele estaria fora de si por qualquer que fosse o motivo.

Bom, instante depois outro vereador, fez contato diretamente com nosso jornalista e passou a barbada, que logo em seguida já estava publicada no blog de um advogado de Nova Serrana.

Quando o grupo de vereadores fizeram contato com nosso jornalismo já tínhamos inicialmente informação sobre o fato, já debatíamos o fato, que foi posteriormente endossado pelo grupo político no qual Osmar Santos se posiciona como um dos lideres, reforçando que o presidente é o candidato da metade dos vereadores à deputado federal.

Caros leitores, ao analisar friamente o fato chegamos a conclusão de que, política em Nova Serrana tem se tornado uma piada de mal gosto contra a população do município. Ao olharmos friamente o que tem ocorrido em nossa cidade percebemos que por aqui boa intenção não tem faltado, mas boa intenção com os interesses próprios, com o próprio ego, ou com um projeto que visualiza beneficiar um grupo de pessoas e não uma cidade ou região.

Política por aqui tem virado uma piada e de muito mal gosto.

Para iniciar, temos que ressaltar que o nome que Adair da Impacto, Chiquinho do Planalto, Valdir Mecânico, Gilmar da Farmácia e seu grupo político colocam como possível candidato para o cargo de deputado federal é o mesmo que de forma descabida chamou o prefeito de ladrão e a secretária de mentirosa sem provas, afirmou apoiar invasões de terrenos, quebrou aos chutes uma porta da UPA diagnosticando um atendimento sem saber efetivamente o que tinha acontecido e a prova de que estava equivocado está nos laudos que comprovam a causa da morte do adolescente.

O vereador faz parte de um grupo político que tentou com todas as forças barrar a negativa das contas de Paulo Cesar, a quem se atribui judicialmente denúncias por improbidade administrativa e agora aparentemente tem como objetivo bater de frente não somente com o executivo, mas também com o vereador William Barcelos que recentemente afirmou ser candidato a deputado federal com dobradinha com o empresário Marcos Fonseca.

A palhaçada inclusive se estabelece até nesse patamar e agora não se tratando de Osmar, mas da empreitada que se estabeleceu com a filiação de Marcos Fonseca ao PTB, colocando William como candidato federal, Euzebio afirmava que apoiaria os candidatos a federal da cidade, contudo, Marcos Fonseca é um desafeto da atual gestão, e também é um risco as pretensões de Fábio Avelar, a quem o prefeito já deu sua benção publicamente.

Em meio a tudo isso o que irá acontecer é que Nova Serrana não terá nem um filho de sua terra eleito para os cargos Estadual e Federal, e isso porque os comediantes, ou melhor agentes políticos preferem  olhar para os seus umbigos, ou para seus planos miraculosos a serem coerentes e direitos com a população da cidade.

Nossos comediantes ficam parecendo crianças brigando por poder, dando birra na UPA, fazendo firulas em redes sociais ou fingindo estarem pensando no melhor para a cidade, mas na verdade estão o tempo todo pensando uma forma de aproveitar da fragilidade da população para fazerem mais uma piada, ou melhor para conquistarem mais uma eleição.

Essa piada será em âmbito estadual, federal ou municipal daqui a dois anos, contudo uma coisa é certa, o alvo dessa piada de mal gosto será a população, que terá cada vez mais que negociar seus votos por míseros benefícios que são garantidos a eles constitucionalmente, enquanto os nossos queridos comediantes, se encontram, comem, bebem e se divertem pensando em uma nova forma de contar mais uma piada, fazendo do trabalhador de Nova Serrana o objeto e não o beneficiado com mais um conto da carochinha.

Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Copyright © 2018 Ineo Sistemas