Conecte-se conosco

Atualidade

Índices elevados de roubos aumentam valores dos seguros veiculares

Publicados

em

Valor de seguro pode alterar pelas características do condutor, modelo e ano do veículo, bem como sobe a periculosidade e índices criminais da cidade

Em Nova Serrana como nos principais centros populacionais do Brasil os índices de roubos de veículos têm aquecido o mercado de seguros, e a incidência de roubos de determinados veículos tem elevado o valor do seguro nas principais cidades brasileiras.

Nas principais cidades do Brasil o valor pago pelo seguro do mesmo carro zero km pode alterar em até 80% em uma média baseada nas principais diretrizes que determinam o valor do seguro pago.

De acordo com o consultor de seguros Joel Oliveira que atua em Nova Serrana, o valor do seguro é influenciado não somente pelo modelo e preço do veículo, como também pela idade do condutor, condições de segurança da cidade, sexo e outras especificações.

“O preço de um seguro é calculado por um montante de fatores, assim é difícil estabelecer um valor médio, mas podemos afirmar que os índices de roubo sim interferem no valor do seguro pago pelo cidadão”, explicou Joel.

Segundo o consultor quanto mais jovem o condutor também é mais elevado o valor do seguro pago. “É bem diferente o valor pago por um homem de 32 anos e por um homem de 20 anos, a idade do condutor interfere em seus hábitos e isso aumenta os riscos de furtos e defeitos no veículo”, ponderou o consultor.

Outro fator que tem um impacto é quanto ao fato do veículo ser ou não novo. Joel explica que as montadoras determinam também o valor do seguro pela durabilidade do veículo, assim os seminovos tem maior probabilidade de apresentarem defeitos mecânicos.

 Carros mais roubados no Brasil

Tendo como base dos dados da Superintendência de Seguros Privados (Susep) levando em conta dos carros mais vendidos do mercado, os 10 carros mais roubados do Brasil são Volkswagen Voyage, Hyundai HB20, Volkswagen Golf, Volkswagen Gol, Chevrolet Onix, Honda Civic, Ford EcoSport, Chevrolet Prisma, Ford Ka e Ford Focus.

Estes veículos tem ainda uma alteração significativa quanto ao valor do seguro que pode ser pago de acordo com a cidade onde se faz o seguro e os hábitos do condutor.

Os preços dos seguros dos carros mais vendidos do país podem partir de R$ 2.001,81, valor médio do seguro de um Onix em Manaus, e podem chegar a até R$ 7.811,42, preço médio do seguro do de um Corolla Sedan no Rio de Janeiro.

Essas informações fazem parte de um levantamento realizado pela corretora de seguros online Minuto Seguros, que simulou os preços médios das apólices dos veículos líderes de venda para cinco capitais (São Paulo, Rio de Janeiro, Manaus, Fortaleza e Curitiba).

Para fazer a simulação, foi considerado o perfil de cliente homem de 35 anos e casado. O valor da cobertura contra terceiros contratada seria de 100 mil reais e as cotações foram feitas nas seguintes seguradoras: Azul, Aliro, Allianz, Bradesco, HDI, Itaú, Liberty, Sompo Seguros, Mapfre, Mitsui, Porto Seguro, Tokio Marine e Sulamerica.

As informações sobre os carros mais vendidos são da Federação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Fenabrave), referentes ao mês de março de 2018.

Entre as capitais levantadas a cidade de Manaus tem uma média de seguro mais barata para todos dos carros analisados. Por outro lado, o Rio é o local que apresenta os preços mais caros em 80% das simulações.

O preço do seguro para o HB20 é o que apresenta a menor diferença entre as capitais cotadas. O valor mais alto é cobrado em Curitiba R$ 3.574,00  e o menor em Manaus R$2.249,00.

Já o Corolla possui a maior diferença de preço entre estados: a mais alta é registrada no Rio de Janeiro, R$7.811,00 e a menor em Manaus R$3.862,00.

O segredo é pesquisar e analisar

Segundo o consultor de seguros de Nova Serrana, o cliente deve fazer uma boa pesquisa de mercado, tanto na compra do veículo como quando for cotar o seguro, uma vez que até mesmo as especificações de cobertura impactam no valor pago e ainda, se adequam melhor as necessidades de cada cliente. “A dica que damos é que o cliente deve pesquisar e se assegurar até mesmo dos benefícios oferecidos pela seguradora, para que assim ele não pague a mais por algo que não é sua necessidade, e seja coberto pela demanda que melhor lhe atende”. Finalizou o consultor de seguros de Nova Serrana Joel Oliveira.

Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Copyright © 2018 Ineo Sistemas