Conecte-se conosco

Segurança

Governador realiza reunião para definir diretrizes para a Segurança Pública em 2018

Publicados

em

Na manhã desta segunda-feira, dia 19 de fevereiro o governador de Minas Gerais, Fernando Pimentel, realizou na Cidade Administrativa, na capital mineira, uma reunião com os comandantes de Unidades Operacionais da Polícia Militar de Minas Gerais.

Na pauta do encontro foram discutidas diretrizes e ações da corporação para o ano de 2018, tendo em vista que a segurança pública tem sido algo de criticas e intervenções por todo o país.

Na oportunidade Pimentel ressaltou os resultados obtidos pelas forças de segurança pública em Minas Gerais. “Estamos fazendo em Minas Gerais a boa política pública de segurança. A experiência acumulada pela nossa Polícia Militar está nos permitindo avançar e implementar modelos de policiamento que estão produzindo resultados positivos. O que fizemos com as bases móveis já é um sucesso. É um modelo que funciona, com a polícia comunitária próxima da população, com grande reconhecimento. Temos a melhor Polícia Militar do Brasil, isso posso falar sem medo de errar. Temos que defender o modelo de política de segurança que estamos fazendo em Minas Gerais”, afirmou.

Presente na reunião, o comandante-geral da Polícia Militar, coronel Helbert Figueiró de Lourdes, destacou os resultados obtidos em 2017.

O comandante ressaltou ainda, que o trabalho realizado pela corporação tem como objetivo reduzir ainda mais os índices de criminalidade no Estado. “Esse encontro é uma reunião de trabalho para estabelecer as diretrizes do Comando para o desenvolvimento das atividades operacionais neste ano de 2018. Faremos também uma avaliação do sucesso obtido em 2017 no que diz respeito à redução dos crimes violentos. Sucesso que caminha na mesma direção no ano de 2018, cujos índices até então são bem melhores do que o do ano passado”, avaliou o comandante-geral em entrevista à imprensa.

Se tratando de segurança pública, a situação vivenciada no Rio de Janeiro foi debatida. E quando questionado pela imprensa sobre a situação da segurança no Rio o comandante-geral ressaltou que a expectativa é de que Minas Gerais não será atingida com possíveis reflexos em seu território. “É importante frisar que a nossa polícia está com muita atenção, com um olhar cuidadoso, sobretudo na região de divisa com o estado do Rio de Janeiro. Já desenvolvemos estratégias de reforço e de monitoramento das divisas. Vamos, agora, analisar eventuais reflexos, que até agora não foram percebidos. Todo o plano já está formatado. Mas o que eu digo é que o cidadão mineiro, sobretudo na região da divisa com o Estado do Rio de Janeiro, pode ficar tranquilo que teremos condições de responder à altura”, finalizou.

Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Copyright © 2018 Ineo Sistemas