Conecte-se conosco

Colunistas

Era uma vez…

Léo Junqueira

Publicados

em

O que Nova Serrana tem em comum com a Irlanda?

Aparentemente nada e poucas pessoas sabem sequer a localização no mapa. Conhecemos casos de cidadãos de Nova Serrana, que por um motivo qualquer se embrenharam em aventuras por outros países e chamaram isso de “sonho renovador” por quem ficou esperando as boas (e más) notícias. Mas esta pequena historinha vai começar com aquele conhecido e singelo “era uma vez!”

Era uma vez… Uma cidade generosamente acolhedora, que tinha como vocação a fabricação de calçados e nela nasciam e proliferavam muitos sonhos. Não eram delírios, como os de Gepeto, aquele velho sapateiro dos livros infantis, que sonhou um dia ter um filho e acabou criando a linda fábula de Pinóquio. Pinóquio era um boneco de madeira que mentia muito, seu nariz crescia e denunciava a todos sua índole de formação duvidosa.

Mas na historinha de Pinóquio o final foi bem feliz e isso nos faz crer que nem todas as mentiras que ouvimos permanecerão na nossa vida. Mas, era uma vez uma linda jovem, que morando em Nova Serrana um dia sonhou em se tornar uma dentista. Porém, não era uma dentista qualquer. O sonho era maior, mais audacioso e repleto de conquistas que a levariam para as alturas do sucesso, da realização, da paz e da alegria.

Sendo assim, ao conquistar seu diploma e fazer uma linda festa de formatura, resolveu pegar estrada e sair pelo mundo. Não que ela quisesse isso logo de cara, mas a destemida jovem encontrou muitos “Pinóquios e seus parceiros Picaretas” onde pensou em ficar.

Foi-se a nossa jovem dentista, tentar o sucesso em Uberlândia. Oh! Era um paraíso de oportunidades e lá ficou por um bom tempo, até que (encurtando rapidamente o andar da nossa história), apareceu um “príncipe” em sua vida, a arrebatou nos braços e lhe disse:

“- vamos para a Irlanda! Lá está nosso futuro… Lá está uma vida melhor e os melhores dos nossos dias!” E lá se foi nossa jovem dentista.

Na verdade ela não fez muito diferente de centenas de jovens de Nova Serrana, que foram em busca de melhores oportunidades em outros países. Assim, como Nova Serrana tornou-se destino de muitos sonhadores que vieram atrás destas mesmas oportunidades e as encontraram aqui. E nesta mistura e trocas Nova Serrana cresceu em tamanho e população, mas perdeu em ternura, esperança e perspectivas.

Nossa jovem chegou ao seu destino e descobriu muitas novidades, como a neve (por exemplo), os Pub’s Irlandeses, o emprego digno, a cultura celta, uma economia forte e pasmem: lá ela deixa seu celular numa mesa de bar para ir ao banheiro e quando volta ele está lá, no mesmo lugar que deixou, não é incrível?

Enquanto isso, aqui em Nova Serrana tudo continuava como sempre foi, ou seja, a população cobra serviços públicos, recebe enxurradas de explicações e as autoridades continuam pensando que está tudo muito bem, como na Irlanda (talvez).

Nossa jovem fez uma escolha difícil, porque trocou o amor de parentes e amigos queridos pelo amor a si mesma. É claro que muitos criticaram, pois afinal, como uma jovem que tinha de tudo resolveu abandonar tudo, pensando em conquistar tudo, num lugar onde tudo existe de melhor e nem tudo é como parece ser?

Hoje recebi uma mensagem dela perguntando como estão as coisas e não tive o que dizer além de “está tudo bem, Karini!” Mas ela do outro lado tinha muitas novidades a começar pelas superações.

Senti que em tudo ela conseguiu conquistar alguma coisa, só não superou a saudade e as lembranças que tem da mãe, da irmã e muitos amigos. Ela é uma vencedora numa história de muitos capítulos que se repetem, pois aqui ainda temos gente impedindo a venda de abacaxis e fazendo política com a distribuição de picolés. Temos pontes que caíram, buracos distribuídos aos milhares, explicações para o que não existe, mas deixaram com nossa jovem dentista a esperança de um dia voltar e encontrar tudo isso bem diferente.

Karini Dantas é o nome dela. Uma pessoa que trocou árvores derrubadas em Nova Serrana pelas lindas e frondosa da Irlanda com suas folhas coloridas. Trocou a falta d’água constante pelos grandes e cristalinos lagos preservados pela própria população. Deixou ruas cobertas de entulhos pela calma estrada limpa e segura da Irlanda.

Era uma vez… Em Nova Serrana, uma jovem dentista destemida e orgulhosa de onde estava que trocou sua esperança pela saudade, porque a saudade é um sentimento mais legitimo e fácil de resolver do que alimentar a esperança em nossa cidade.

Fim de uma história e início de uma realidade, que podemos mudar realmente, para que Karinis, Sônias, Marias, Olímpios, Joãos, Pedros e outros sonhadores possam ficar conosco para um grande a maravilhoso final feliz.

LEONARDO VELOSO JUNQUEIRA é daqueles publicitários da época romântica, quando a comunicação ainda era feita com base no talento criativo. Foi sócio fundador da Insight Comunicação durante 22 anos prestando serviços de comunicação e marketing a grandes empresas, como Pastifício Santa Amália, Riclan (fabricante do Pircóptero e drops Freegell’s), Cera Inglesa, Calçados Jacob (Kildere), Café Brasil, Balas Santa Rita entre outras grandes empresas que fizeram histórias de sucesso. Trabalhou em grandes agências de publicidade em Minas e na área política, como publicitário, assessorou as prefeituras de Uberlândia, Varginha e Divinópolis além de desenvolver e coordenar inúmeras campanhas políticas, das quais destacamos a eleição de Zaire Rezende (Uberlândia), Maurinho Teixeira (Varginha), Paulo Tadeu (Poços de Caldas), Galileu Teixeira (Divinópolis), Paulo César (Nova Serrana), Toninho André (São Gonçalo do Pará) além de vários deputados estaduais e federais. Léo Junqueira é consultor de marketing, compositor, violeiro, escritor e colunista do Jornal O Popular

Continue Lendo
2 Comments

2 Comments

  1. Arno Spier Junior

    14 de Fevereiro de 2018 em 18:24

    Fantastico texto Leo. Parabéns e sucesso.

  2. Alysson Garcia

    14 de Fevereiro de 2018 em 17:45

    Muito bacana, você sem sombra de dúvidas é o cara… Show de bola meu amigo ‘Leo’

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Copyright © 2018 Ineo Sistemas