Conecte-se conosco

Colunistas

Dormindo com o inimigo – noite de cobranças – iluminação natalina

Welder Gontijo

Publicados

em

DORMINDO COM O INIMIGO – NOITE DE COBRANÇAS – ILUMINAÇÃO NATALINA

Às vésperas do encerramento das eleições 2018 o eleitor mineiro se prepara para voltar às urnas no próximo domingo quando definitivamente escolheremos o nosso próximo governador e o próximo presidente da republica. Destoando do último dia sete de outubro quando tivemos seis cargos a serem escolhidos no próximo domingo teremos apenas dois cargos em disputa.

 PRESIDENCIÁVEIS

A disputa entre Jair Bolsonaro e Fernando Haddad apresenta um favoritismo ao primeiro repetindo o que ocorreu em primeiro turno já que na última pesquisa IBOPE Bolsonaro aparece com 57% da intenção de votos enquanto seu concorrente detém 43%. Porém o líder na corrida presidencial apresentou um acréscimo de cinco pontos percentuais no seu índice de rejeição. Mesmo com o tempo de campanha se encerrando e ainda uma grande diferença entre os dois, o sinal de alerta pode ser acionado a qualquer momento.

 ZEMA X ANASTASIA

Já em Minas o favoritismo se mantém com a surpresa do primeiro turno, o candidato Romeu Zema segue liderando as pesquisas apresentando 67% na preferência do eleitorado ante 33% de Antônio Anastasia. Enquanto o candidato “revelação” administra sua enorme vantagem o experiente Senador tenta um milagre para viabilizar-se como o próximo governador.

 ESTRATÉGIA ANTAGÔNICA

Enquanto que no primeiro turno Romeu Zema implorava para participar dos debates promovidos entre os candidatos, a fim de se tornar mais conhecido já que seu desempenho em pesquisas não o qualificava a estar presente, hoje liderando a corrida ao palácio da liberdade o mesmo tem se negado a participar, optando pela ausência, frustrando eleitores, especialmente aqueles que ainda estão indecisos.

ADMINISTRAR A LIDERANÇA

É nítido o desequilíbrio quando se trata do preparo em debates entre os dois candidatos que se enfrentam em segundo turno. Enquanto Romeu Zema é um estreante no processo eleitoral, Anastasia com mais de 35 anos de vida publica e detentor de um vasto currículo acadêmico tem feito do estreante uma presa fácil quando o mesmo ainda participava dos debates, não restando outra sorte ao mesmo que não se abdicar de comparecer aos aguardados debates programados.

 DORMINDO COM O INIMIGO

Ao que tudo indica estar à frente e se manter na dianteira em uma corrida eleitoral não é uma tarefa tão simples, que o diga Jair Bolsonaro que entre uma derrapada e outra há pouco tempo teve que abafar a fala de seu vice, General Mourão sobre o fim do décimo terceiro salário. Como se não bastasse as falácias do General, seu próprio filho, Eduardo Bolsonaro, em reta final de campanha bradeja que “para fechar o STF basta um soldado e um cabo” e ainda complementa “não é desmerecendo o soldado e o cabo não”. Para as falas ditas ainda em um processo eleitoral gera certo receio quanto às medidas que poderão ser impostas em um possível futuro governo, especialmente quando imaginamos estar vivendo em um estado democrático.

 NAS GERAIS

Mesmo sendo detentor de um currículo empresarial invejável, vê-se que Romeu Zema em seus discursos e quando participava de debates, patina muito quando se fala de gestão publica, especialmente na legalidade das ações que pretende implementar em seu possível governo. Não é que se espere que um candidato que teve toda sua vida profissional voltada para a administração de suas empresas tenha amplo e irrestrito conhecimento da coisa publica, porém pontos básicos poderiam ser supridos com uma boa assessoria.

 NOITE DE COBRANÇAS

Realizada na noite da última terça-feira a 35ª reunião ordinária da câmara municipal de vereadores de Nova Serrana. Noite de pauta tranquila, reunião dinâmica, sem grandes polêmicas entre os edis. O fato que marcou a noite foi o uso da tribuna pelo vereador Valdir das festas juninas que cobrou do executivo maior agilidade dos trabalhos básicos na cidade, especialmente na reposição de lâmpadas queimadas.

 ILUMINAÇÃO NATALINA

Na concepção do vereador é inadmissível neste momento de crise econômica o empenho de recursos no montante aproximado de R$ 70.000,00 para locação de lâmpadas natalinas para serem utilizadas por um curto espaço de tempo enquanto muitas lâmpadas do centro e especialmente de bairros mais afastados encontram-se há tempos queimadas e não recebem manutenção, colocando em risco a segurança de moradores e transeuntes.

 MAIS COBRANÇAS

Como a noite parecia ser dedicada realmente às cobranças, foi comentado pelo vereador Professor Willian que seu sentimento também era de descaso, de que quando eleito, pressentia que podia ajudar mais a população de Nova Serrana, especialmente as pessoas mais carentes, porém que com o passar do tempo percebeu que sequer os ofícios encaminhados ao executivo são respondidos, tendo inclusive mudado a estratégia de encaminhamento, solicitando que seus requerimentos fossem encaminhados pela mesa diretora, no intuito de que o executivo ao menos respeitasse as disposições regimentais e se dignasse em responder de forma clara e objetiva.

CORROBOROU

Fazendo uso da palavra o vereador Gilmar da Farmácia corroborou as falas de seu colega edil e ainda afirmou “Professor Willian, vou te dar a resposta viu meu amigo, a resposta de que nós já estamos aí há quase dois anos cobrando e não tem solução nenhuma, Copasa e Correios é brincadeira, nós falamos, mandamos vários ofícios e nada, nada se resolve, parecendo que eles não estão nem aí com o povo”. Complementou o vereador dizendo que na semana anterior havia cobrado mais celeridade no atendimento a pacientes que necessitam de tratamento oncológico, subsidiado pela legislação pertinente, reiterou que a porta de entrada para o paciente realmente é a secretaria municipal de saúde que deverá ingressar o mesmo junto aos órgãos especializados para tratamento, prosseguiu informando que a legislação prevê um prazo máximo para atendimento, orientando que caso isto não ocorra de que é possível o ingresso de uma ação judicial e por fim se colocou a disposição da população para auxiliar e orientar em uma possível necessidade de atendimento.

WELDER GERALDO GONTIJO é advogado e contador, especialista em Direito e Processo do Trabalho, articulista político, foi secretario municipal de Nova Serrana na gestão 2013/2016.

Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Copyright © 2018 Ineo Sistemas