Conecte-se conosco

Colunistas

Corrida eleitoral, pinguela, fogo em micro-ônibus

Welder Gontijo

Publicados

em

CORRIDA ELEITORAL – PINGUELA – FOGO EM MICRO-ÔNIBUS

Quase se encerrando o período de convenções partidárias, as quais definirão candidatos e coligações para as eleições de outubro, tanto no cenário estadual como federal as dúvidas ainda norteiam e as articulações seguem a todo vapor.

 CENÁRIO NACIONAL SEM LULA

Em recente pesquisa divulgada pelo instituto Paraná pesquisas mostra que sem o ex-presidente Lula na disputa, Jair Bolsonaro lidera a corrida presidencial com 23,6%, seguido por Marina Silva 14,4%, Ciro Gomes 10,7%, Geraldo Alkimin 7,8%, Álvaro Dias 5,00% e Fernando Haddad com 2,8%.

DISPUTA COM LULA

Já com Lula na disputa, altera-se substancialmente o desempenho dos candidatos, sendo todos superados pelo ex-presidente: Lula 29,00%, Jair Bolsonaro com 21,8%, seguido por Marina Silva 9,2%, Geraldo Alkimin 6,2%, Ciro Gomes 6,00%, e Álvaro Dias 5,00%.

 COM LULA OU SEM LULA?

É visível que a ausência do ex-presidente Lula facilita muito a vida de seus concorrentes ao Planalto e presumível também que o PT não tem outro nome dentro do próprio partido capaz de se impor nas mesmas condições do ex-presidente.

 DISPUTA SUB JUDICE

Ao que tudo indica, até o dia quinze de agosto, prazo limite, teremos o pedido de registro da candidatura à presidência da republica do ex-presidente. Após o registro, é previsível que teremos uma farta disputa judicial, colocando em xeque a eficácia da lei da ficha limpa. Procuradoria Geral da Republica, concorrentes políticos, todos estes já deverão estar elaborando suas peças de impugnação a fim de se fazer cumprir a lei da ficha limpa, impedido o ex-presidente condenado de postular sua vaga na corrida ao Palácio do Planalto.

 DESEMPENHO ELEITORAL

Se condenado justa ou injustamente, neste momento não se trata de objeto de relevância a nossa análise. Fato é que seria muito prudente aos adversários na corrida presidencial que fizessem valer e que torcessem para que o homem do “xadrez” fosse impedido de disputar o pleito, pois caso tenha reconhecido seu suposto direito de disputa, suas possibilidades de vitória são reais.

REJEIÇÃO X CRESCIMENTO

Entre cientistas e analistas políticos, políticos e palpiteiros de plantão, muitos afirmam que não há mais espaços para que a rejeição do ex-presidente cresça, dando a entender que pior do que está não poderá ficar, mas que há possibilidade de crescimento no número de eleitores caso sua situação judicial não seja resolvida de imediato, ou resolvida favoravelmente, levando o eleitor ainda em duvidas a acreditar em sua inocência, confiando-lhe o voto.

CENTRÃO

Selado em nível nacional o acordo entre os partidos PSDB, PP, PR, PRB, DEM e Solidariedade, formando o bloco chamado centrão. O referido acordo visa dar sustentação a candidatura de Geraldo Alkimin ao Palácio do Planalto. Costurada a citada composição que pode ainda sofrer alterações, não seria nada demais se disséssemos que a banda mais podre da política nacional, juntou-se para salvar seus “cascos” e se perpetuar no poder.

 CORRIDA EM MINAS

Já em Minas Gerais a corrida ao Palácio da Liberdade, segundo pesquisa Data Tempo/CP2 mostra Anastasia com 21,50%, Pimentel 13,3%, Marcio Lacerda 9,7% e Romeu Zema com 3,2% são os principais nomes.

 SENADO

Com renovação de 2/3 para o senado federal, ou seja, duas cadeiras, a corrida tem os seguintes postulantes liderando: Dilma Rousseff 21,2%, Aécio Neves 14,0%, Mauro Tramonte 9,5%, Carlos Viana 4,4%, Jô Moraes 3,6%, Bruno Siqueira 2,9%, Jaime Martins 2,3% e Diniz Pinheiro 1,6%. Ao que parece Minas Gerais será responsável por ressurgir dois nomes preteridos no cenário nacional.

 MÁRCIO LACERDA FORA

Em uma jogada estrategicamente iniciada pelo governador Pimentel, Lula negociou uma aliança a nível nacional entre PT e PSB, o que fez com que Márcio Lacerda tivesse que abortar sua candidatura ao governo do estado. A Márcio Lacerda fora oferecido a condição de postulante a uma vaga no senado federal, que foi de pronto rechaçado pelo ex pré candidato a governador. Já o diretório regional de Minas Gerais emitiu nota repudiando a aliança nacional em que exclui Márcio Lacerda da disputa do governo do estado e firma apoio ao PT de Pimentel, informando ainda que a convenção marcada para o próximo dia sábado dia 04 se mantém, com intenção de ratificar o nome de Lacerda como candidato ao governo de Minas.

 JAIMINHO SOLO

Diante da possibilidade de não se concretizar a coligação com PSB de Márcio Lacerda do qual seria vice candidato a governador. Realizada a convenção do PROS, em ata se definiu que Jaime Martins será candidato a governador, surpreendendo boa parte de seus seguidores. Porém, existe ainda a possibilidade de coligação com o PSB a qual foi ressalvada na ata de convenção.

ESTADO QUEBRADO

Parece-nos cômico as primeiras declarações polarizadas entre Anastasia e Pimentel. Ambos concordam que o estado está quebrado, Pimentel afirma que herdou um estado em dificuldades financeiras, recebido de uma administração ineficaz de mais de uma década de governos do PSDB. Por sua vez Anastasia reitera que ineficiente é o governo Pimentel que só foi se dar conta desta suposta ineficácia em período eleitoral, não fazendo jus a reclamação. Seria o sujo falando do mal lavado?

PONTE DO JARDIM DO LAGO

Estivemos visitando a mais famosa ponte do centro oeste mineiro nos últimos anos. Percebemos que o trabalho continua, porém ausente da placa indicativa da obra a qual indicaria entre outros, responsável técnico, valor da obra, origem dos recursos, tempo de construção. A ponte caiu em novembro passado e vem sendo alvo de debates, especialmente nas redes sociais. A princípio o dano causado que seria total já não é mais, boa parte de sua estrutura está sendo recuperada. Os valores iniciais para o governo federal giravam na casa de um milhão de reais, mas que no fritar dos ovos não vieram e que ao que tudo indica será reconstruída com recursos próprios, que aplicados os “puxadinhos e reaproveitamentos” fizeram com que seu orçamento caísse para duzentos e oitenta mil reais.

 PINGUELA

Na lateral da famosa ponte, foi construída uma pinguela de madeirite para passagem de pedestres. A referida pinguela não atende as normas mínimas de segurança e coloca em risco a vida das pessoas que por ali trafegam. Caso não seja possível se fazer uma travessia dentro das normais legais seria mais prudente a retirada da mesma, a fim de se evitar maiores danos.

 PINTURA DE FAIXAS DE PEDESTRES

Ao que tudo indica, o departamento de trânsito local parece começar a funcionar efetivamente, alguns cruzamentos de trânsito mais intenso tem recebido pintura da faixa de pedestres. Um bom serviço tem sido realizado com faixas largas de cores vivas, seguindo a determinação de trânsito, porém a qualidade da tinta usada é contestável. No cruzamento da Rua Antonio Martins com Cel. Martinho, em menos de um mês de pintura, vê-se que as faixas pintadas já não têm mais uma visibilidade satisfatória, naturalmente em virtude da qualidade do material utilizado, que naturalmente trará mais gastos e resserviços.

 FOGO EM MICRO-ÔNIBUS

Incendiado na noite da ultima terça-feira um micro-ônibus utilizado no transporte escolar. Informações preliminares dão conta de que o ataque foi feito por dois jovens e que o motivo poderia estar vinculado ao óbito de uma jovem de 14 anos. O fato ocorrido precisa ser totalmente elucidado, qual a sua causa, por que o ônibus estava estacionado ao lado da casa do motorista, se este procedimento é de praxe e autorizado pelo chefe de transportes, bem como o seguro do veículo.

WELDER GERALDO GONTIJO é advogado e contador, especialista em Direito e Processo do Trabalho, articulista político, foi secretario municipal de Nova Serrana na gestão 2013/2016.

Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Copyright © 2018 Ineo Sistemas